Carregando ...
Desculpe, ocorreu um erro ao carregar o conteúdo.
 

Re: [mormons-br] Testemunho

Expandir mensagens
  • Emerson de Oliveira
    Respeito a fe e opiniao. Entao, basicamente, o relato do LM deve ser aceito por fe, tendo evidencias ou nao (nao se compare com a Biblia, pois tem partes
    Mensagem 1 de 17 , 15 de nov de 2002
      Respeito a fe e opiniao. Entao, basicamente, o relato do LM deve ser aceito
      por fe, tendo evidencias ou nao (nao se compare com a Biblia, pois tem
      partes historicas que foram comprovadas). Dizer que eu exijo provas de Adao
      e Eva, da expiacao de Cristo e outros e ambiguo e foge do assunto. Bem,
      neste ponto fico com a conclusao de que o LM deve ser aceito por fe,
      desculpem, tendo seus relatos sendo verdadeiros ou nao.


      ----- Original Message -----
      From: Marcelo Todaro <mt@...>
      To: <mormons-br@...>
      Sent: Tuesday, March 16, 2004 10:04 AM
      Subject: [mormons-br] Testemunho


      Emerson de Oliveira escreveu:

      > Com todo respeito, mas parece que sempre quando vamos adentrando
      > em questoes mais polemicas, alguns mormons dao estas respostas, como
      > "a fe e
      > o bastante" (no caso de pegar o pe na arqueologia) e "so basta crermos
      > no
      > que esta revelado" (quando se pega o pe no D&C e Perola)

      Você não deveria estranhar isso. Tudo parte do princípio de que o
      Espírito do Senhor tem a função de prestar testemunho da verdade.
      Quando Ele o faz, não sentimos necessidade de provas adicionais. Que
      maior testemunho podemos querer que o de Deus?

      Um abraço,

      Marcelo Todaro
      Ala Benedito Bentes - Estaca Maceió Brasil
      Visite meu Diário Missionário: http://www.iebras.com/mt


      ===========================================================================
      Caro assinante: ao responder mensagens para o grupo edite suas respostas,
      apagando trechos inúteis da mensagem que está respondendo. Para maiores de-
      talhes, consulte a mensagem de boas vindas e instruções do grupo.
      ===========================================================================
      Links do Yahoo! Grupos
      Para visitar o site do seu grupo, acesse:
      http://br.groups.yahoo.com/group/mormons-br/

      Para sair deste grupo, envie um e-mail para:
      mormons-br-unsubscribe@...

      O uso que você faz do Yahoo! Grupos está sujeito aos:
      http://br.yahoo.com/info/utos.html
    • José Carlos Santos Coelho
      Gente, aproveito a ocasião, pra divulgar meu testemunho através de meu site www.minhaconversao.hpg.com.br .De tempos em tempos estarei atualizando , e
      Mensagem 2 de 17 , 15 de jan 19h00min
        Gente, aproveito a ocasião, pra divulgar meu testemunho através de meu site
        www.minhaconversao.hpg.com.br .De tempos em tempos estarei atualizando , e
        espero que todos gostem.





        _________________________________________________________________
        MSN Messenger: converse com os seus amigos online.
        http://messenger.msn.com.br


        [As partes desta mensagem que não continham texto foram removidas]
      • Marcelo Todaro
        Fonte: http://www.lds.org/conference/talk/display/0,5232,49-2-24-27,00.html TESTEMUNHO Isso que chamamos testemunho é a grande força da Igreja. É a fonte de
        Mensagem 3 de 17 , 25 de jan 01h42min
          Fonte:
          http://www.lds.org/conference/talk/display/0,5232,49-2-24-27,00.html


          TESTEMUNHO
          Isso que chamamos testemunho é a grande força da Igreja. É a fonte de
          fé e atividade. É difícil de explicar. É difícil de medir ( . . . ) mas
          é tão real e poderosa quanto qualquer força da Terra.


          Presidente Gordon B. Hinckley


          Meus queridos amigos, peço a orientação do Espírito Santo. Já faz três
          anos desde que vocês me apoiaram como Presidente da Igreja. Posso
          dirigir-lhes algumas palavras de caráter pessoal? Do fundo do coração,
          agradeço a vocês por seu amor e apoio, por suas orações e sua fé. Já
          não sou um jovem, cheio de energia e vitalidade. Sou um homem velho,
          estou tentando alcançar o irmão Haight! Sou mais inclinado à meditação
          e a oração. Apreciaria muito ficar sentado em uma cadeira de balanço,
          tomando remédios, ouvindo música suave e contemplando as coisas do
          universo. Mas essas atividades não são de modo algum desafiadoras e em
          nada contribuem.

          Quero estar ativo e trabalhando. Desejo enfrentar cada dia com
          resolução e determinação. Quero usar todos os momentos em que estou
          desperto para dar incentivo, abençoar aqueles cujos fardos são pesados,
          edificar a fé e fortalecer o testemunho. Graças à grande bondade de um
          amigo generoso, pude viajar por todo o mundo nesses últimos três anos,
          encontrando-me com pessoas de muitos países. Eles reuniram-se aos
          milhares e dezenas de milhares. Em certo lugar, havia mais de 200
          ônibus que os transportaram até o estádio.

          Estive entre os ricos, mas muito mais entre os pobres: os pobres do
          mundo e os pobres da Igreja. Alguns têm os olhos ligeiramente mais
          puxados que os meus e uma cor de pele diferente, mas tudo isso
          desaparece e não tem a menor importância quando estou entre eles. Todos
          tornam-se filhos e filhas de nosso Pai, herdeiros de um direito divino.
          Falamos línguas diferentes, mas todos compreendemos a linguagem comum
          da fraternidade.

          É cansativo ter que viajar até tão longe para encontrar-me com eles.
          Mas é difícil deixá-los depois de estar com eles. A cada lugar que
          vamos fazemos apenas uma breve visita, uma reunião em meio a muitas
          outras de nossa programação. Gostaria de ficar mais tempo. Ao final da
          reunião, cantamos "Deus Vos Guarde" espontaneamente. ( Hinos, nº 85)
          Surgem lenços para limpar as lágrimas que depois são agitados em uma
          carinhosa despedida. Há pouco tempo, realizamos onze grandes reuniões
          em diferentes cidades do México em apenas sete dias.

          É a presença desse povo maravilhoso que me dá forças. É o amor
          refletido em seus olhos que me dá energia.

          Eu poderia passar o dia inteiro em meu escritório, ano após ano,
          cuidando de uma montanha de problemas, muitos deles de pouca
          importância. Passo bastante tempo ali, mas sinto que tenho uma missão
          maior, uma responsabilidade mais elevada de estar entre as pessoas.
          Esses milhares, centenas de milhares ou mesmo milhões atualmente, todos
          têm uma coisa em comum. Têm um testemunho pessoal e individual de que
          este é o trabalho do Todo-Poderoso, nosso Pai Celestial; que Jesus
          Cristo, o Senhor, que morreu na cruz do Calvário e ressuscitou, vive,
          como ser real, separado e distinto; que este é Seu trabalho, restaurado
          nesta última e maravilhosa dispensação do tempo; que o antigo
          sacerdócio foi restaurado com todas as suas chaves e poderes; que o
          Livro de Mórmon falou-nos desde o pó, como testemunho do Redentor do
          mundo.

          Isso que chamamos testemunho é a grande força da Igreja. É a fonte de
          fé e atividade. É difícil de explicar. É difícil de medir. É uma coisa
          misteriosa e indefinível, mas é tão real e poderosa quanto qualquer
          força da Terra. O Senhor descreveu-o para Nicodemos, dizendo: "O vento
          assopra onde quer, e ouves a sua voz, mas não sabes de onde vem, nem
          para onde vai; assim é todo aquele que é nascido do Espírito". (João
          3:8) Essa coisa que chamamos testemunho é difícil de definir, mas seus
          frutos são bastante evidentes. É o Santo Espírito testificando por
          nosso intermédio.

          O testemunho pessoal é o fator que transforma a vida das pessoas que se
          filiam à Igreja. Esse é o elemento que motiva os membros a esquecerem
          todas as outras coisas para servir o Senhor. É a voz suave e motivadora
          que ampara constantemente aqueles que caminham pela fé, durante todos
          os dias de sua vida.

          É uma coisa misteriosa e maravilhosa, um dom de Deus ao homem. Ele
          sobrepuja a riqueza ou a pobreza quando a pessoa é chamada para servir.
          Esse testemunho que é levado no coração de nosso povo motiva-os a
          cumprir suas tarefas com ardor. É encontrado tanto nos jovens quanto
          nos idosos. É encontrado no aluno do seminário, no missionário, no
          bispo, no presidente de estaca, no presidente de missão, na irmã da
          Sociedade de Socorro, em todas as Autoridades Gerais. É ouvido dos
          lábios de pessoas que não possuem nenhum cargo, a não ser o de membro
          da Igreja. É a própria essência deste trabalho. É aquilo que move o
          trabalho do Senhor adiante em todo o mundo. Ele nos impele à ação.
          Exige que façamos o que nos foi pedido. Ele leva consigo a certeza de
          que existe propósito na vida, de que algumas coisas são bem mais
          importantes que outras, que estamos em uma jornada eterna e que teremos
          de responder perante Deus por nossos atos.

          Emily Dickinson captou um elemento dele ao escrever:

          Nunca vi uma charneca,
          Nunca vi o mar;
          Mas sei como são as urzes
          E como devem ser as ondas.
          Nunca falei com Deus
          Nem visitei o céu;
          Mas tenho tanta certeza da existência desse lugar
          Quanto se o tivesse visto indicado no mapa.
          ("Chartless", A Treasury of the Familiar , ed. Ralph L. Woods, 1942, p.
          179.)

          É esse elemento, fraco e um tanto quanto débil a princípio, que impele
          todo pesquisador para a conversão. Ele conduz todo converso ao porto
          seguro da fé. É isso que levou nossos antepassados a partirem da
          Inglaterra e dos países da Europa, cruzar os mares passando por grandes
          riscos, caminhando pelo que pareceu uma eternidade ao lado de bois
          lerdos ou frágeis carrinhos de mão rumo a estas montanhas do oeste.
          Eles esforçaram-se, trabalharam, morreram aos milhares naquela fatídica
          jornada. Esse espírito de testemunho foi transmitido a nós, que somos
          herdeiros dessa fé preciosa.

          Onde quer que a Igreja esteja organizada, sente-se seu poder.
          Erguemo-nos e dizemos que sabemos. Repetimos essa declaração até quase
          parecer monótona. Dizemos isso porque não sabemos o que mais dizer. A
          verdade é que realmente sabemos que Deus vive, que Jesus é o Cristo e
          que esta é a Sua causa e Seu reino. As palavras são simples, a frase
          sai do fundo do coração. Ele estará agindo onde quer que a Igreja
          esteja organizada, onde quer que haja missionários ensinando o
          evangelho, onde quer que haja membros compartilhando sua fé.

          É algo que não pode ser refutado. Os oponentes podem citar escrituras e
          discutir interminavelmente a respeito da doutrina. Podem ser
          inteligentes e persuasivos. Mas quando alguém diz "Eu sei", não existe
          mais argumento. Pode ser que não aceitem o que dizemos, mas quem pode
          refutar ou negar a voz suave falando no interior da alma com convicção
          pessoal?

          Permitam-me contar-lhes uma história que ouvi recentemente no México.
          Em Torreón, fui levado para passear no belo automóvel de um homem
          chamado David Castañeda.

          Há trinta anos, ele, a mulher, Tomasa, e os filhos moravam em um rancho
          pequeno e pobre nos arredores de Torreón. Possuíam trinta galinhas,
          dois porcos e um cavalo magro. As galinhas punham uns poucos ovos,
          fornecendo-lhes o alimento e os meios de, às vezes, conseguirem algum
          dinheiro. Eram muito pobres. Então, receberam a visita dos
          missionários. A irmã Castañeda conta: "Os élderes tiraram-nos a venda
          dos olhos e trouxeram luz para nossa vida. Nada sabíamos a respeito de
          Jesus Cristo. Não conhecíamos nada a respeito de Deus até recebermos a
          visita deles".

          Ela havia estudado dois anos e o marido, nenhum. Os élderes
          ensinaram-nos e, por fim, eles foram batizados. Mudaram-se para a
          pequena cidade de Bermejillo, onde tiveram a boa sorte de começar a
          trabalhar no ramo de ferro-velho, comprando automóveis batidos. Isso
          fez com que entrassem em contato com as companhias de seguros e outras
          empresas. Cresceram aos poucos até formarem uma empresa próspera em que
          trabalhavam o pai e os cinco filhos. Tendo fé, pagaram o dízimo.
          Depositaram sua confiança no Senhor. Viveram o evangelho. Serviram
          sempre que foram chamados. Quatro dos filhos e três das filhas serviram
          missão. O filho mais novo está servindo atualmente em Oaxaca. Hoje eles
          têm uma empresa de porte razoável e prosperaram com ela. Foram
          ridicularizados pelos que os criticavam. Sua resposta testifica o poder
          do Senhor na vida deles.

          Cerca de 200 pessoas, entre amigos e parentes, filiaram-se à Igreja por
          influência deles. Mais de trinta filhos e filhas da família e de amigos
          serviram missão. Eles doaram o terreno em que foi construída a capela
          que freqüentam.

          Os filhos, que já chegaram à idade adulta, e os pais revezam-se na
          viagem até a cidade do México todos os meses para trabalhar no templo.
          Eles são um testemunho vivo do grande poder deste trabalho do Senhor em
          erguer e mudar as pessoas. Eles são um exemplo típico dentre milhares
          por todo o mundo que experimentam o milagre do mormonismo quando
          recebem o testemunho da divindade deste trabalho.

          Esse testemunho pode ser o mais precioso de todos os dons de Deus. É
          uma dádiva dos céus quando existe o devido empenho. Todo homem e mulher
          desta Igreja tem a oportunidade e a responsabilidade de adquirir a
          convicção da veracidade deste grandioso trabalho dos últimos dias e dos
          que o estão dirigindo: o próprio Deus vivo e o Senhor Jesus Cristo.

          Jesus mostrou como podemos adquirir esse testemunho ao dizer: "(...) A
          minha doutrina não é minha, mas daquele que me enviou. Se alguém quiser
          fazer a vontade dele, pela mesma doutrina conhecerá se ela é de Deus,
          ou se eu falo de mim mesmo". (João 7:16-17)

          Aumentamos nossa fé e conhecimento quando servimos, estudamos e oramos.

          Quando Jesus alimentou as 5.000 pessoas, elas reconheceram o milagre
          que Ele realizou e maravilharam-se com ele. Alguns voltaram. A esses,
          Ele ensinou a doutrina de Sua divindade, de que Ele era o Pão da Vida.
          Ele acusou-os de não estarem interessados na doutrina, mas apenas na
          satisfação da fome do corpo. Alguns que ouviram-No pregar Sua doutrina
          disseram: "Duro é este discurso; quem o pode ouvir?" (João 6:60) Quem
          pode acreditar no que esse homem está ensinando?

          "Desde então muitos dos seus discípulos tornaram para trás, e já não
          andavam com ele.

          Então disse Jesus aos doze:" (acho que alguns deles também estavam
          desanimados) "Quereis vós também retirar-vos?

          Respondeu-lhe, pois, Simão Pedro: Senhor, para quem iremos nós? Tu tens
          as palavras da vida eterna.

          E nós temos crido e conhecido que tu és o Cristo, o Filho do Deus
          vivente." (João 6:66-69)

          Esta é a grande questão, e todos temos que encarar a sua resposta:
          "Senhor, para quem iremos nós" senão a Ti? "Tu tens as palavras de vida
          eterna. E nós temos crido e conhecido que tu és o Cristo, o Filho do
          Deus vivente".

          É essa convicção, essa tranqüila certeza interior da realidade do Deus
          vivo, da divindade de Seu amado Filho, da restauração desse trabalho
          nesta época e a das gloriosas manifestações que se seguiram, que se
          tornou em cada um de nós o alicerce de nossa fé. Tornou-se o nosso
          testemunho.

          Como mencionei anteriormente nesta conferência, recentemente estive em
          Palmyra, no Estado de Nova York. A respeito das coisas que se passaram
          nesse lugar, somos levados a dizer: "Ou aconteceram, ou não. Não existe
          meio termo".

          E então, a voz da fé sussurra: "Aconteceram. Aconteceram exatamente
          como foi relatado".

          Nas proximidades, fica o monte Cumora. Dali saiu o antigo registro do
          qual o Livro de Mórmon foi traduzido. É preciso aceitar ou rejeitar sua
          origem divina. Considerando as evidências, todo homem e mulher que o
          ler com fé será levado a dizer: "É verdadeiro".

          O mesmo acontece com outros elementos dessa coisa milagrosa que
          chamados de Restauração do antigo evangelho, do antigo sacerdócio, da
          antiga Igreja.

          Esse testemunho é hoje o que sempre foi: uma declaração simples e clara
          da verdade como a conhecemos. Simples e vigorosa é a declaração de
          Joseph Smith e Sidney Rigdon a respeito do Senhor, que se encontra no
          início dessa obra:

          "E agora, depois dos muitos testemunhos que se prestaram dele, este é o
          testemunho, último de todos, que nós damos dele: Que ele vive!

          Porque o vimos, sim, à direita de Deus; e ouvimos a voz testificando
          que ele é o Unigênito do Pai

          Que por ele e por meio dele e dele os mundos são e foram criados; e
          seus habitantes são filhos e filhas gerados para Deus". (D&C 76:22-24)

          É nesse espírito que desejo acrescentar meu próprio testemunho. Nosso
          Pai Eterno vive. Ele é o grande Deus do universo, exercendo Seu domínio
          com majestade e poder. Mas Ele é o meu Pai, a quem posso dirigir-me em
          oração com a certeza de que ouvirá, escutará e responderá.

          Jesus é o Cristo, Seu Filho imortal, que sob a direção do Pai foi o
          Criador da Terra. Ele foi o grande Jeová do Velho Testamento, que
          condescendeu em vir ao mundo como o Messias, que entregou Sua vida na
          cruz do Calvário em Sua maravilhosa Expiação, por causa de Seu amor por
          nós. A obra em que estamos engajados é a obra Deles, somos Seus servos
          e a Eles teremos de responder. Isso testifico, em nome de Jesus Cristo.
          Amém.


          © 2003 by Intellectual Reserve, Inc. All rights reserved.
        • Carlos Santos
          Não sei porque, mas confio que aqueles que o Senhor escolheu para filiarem-se à igreja, de alguma forma saberão fazer a escolha certa, independente das
          Mensagem 4 de 17 , 27 de set de 2007
            Não sei porque, mas confio que aqueles que o Senhor escolheu para filiarem-se à igreja, de alguma forma saberão fazer a escolha certa, independente das incursões de satanás.

            Tenho um forte testemunho disso.

            Na primeira vez que entrei numa capela da Igreja, como já disse antes, mas parecia uma tapera, suja, esburacada em algumas partes, cadeiras de madeira compensada suja e algumas quebradas, com pernas de ferro enferrujadas.
            A primeira reunião (a do quorum de Élderes) assisti a uma cena que me revoltou e seria motivo pra num mais colocar os pés na igreja: Um sumo-sacerdote passou a chamar o presidente do quórum de ladrão, de ficar com o dinheiro dos membros que depositavam na conta bancária dele.

            Minha atitude de revolta na ocasião quase me levou a me levantar e mandar o tal sumo-sacerdote calar a boca.
            Os pobres missionários estavam tão estupefatos quanto eu.
            Um deles, preocupado com o que eu poderia imaginar, sussurrou-me, olhando-me firmemente nos olhos: "Creia, irmão, a igreja é verdadeira, mas os membros são falhos".

            Hoje, nem sei se precisava tanta preocupação, POIS O QUE SENTI AO POR MEUS PÉS NO INTERIOR DA IGREJA NUNCA ESQUECI. AINDA RECORDO A INTENSA ALEGRIA QUE TOMOU CONTA DE MEU CORAÇÃO POR ESTAR ALI, NAQUELE LUGAR TÃO SEM APARÊNCIA DE IGREJA.

            Acho que eu era um dos escolhidos do Senhor para me filiar a igreja naquele momento, e nada, nem todo o inferno reunido seria capaz de barrar o intento do Senhor. Batizei-me apenas alguns dias depois e apenas sete meses após aquele episódio fui chamado Presitente de Ramo e um ano depois fui a Casa do Senhor, em São Paulo, me selar com minha família. O tal sumo sacerdote afastou-se da igreja logo depois e o presidente do Quorum depois de ter servido em vários chamados, acabou sendo chamado como nosso Patriarca.

            "Quem se oporá aos intentos do Senhor?"
            Não tenho dúvida que o Senhor dirige essa igreja e Ele tem poder para reverter o mal em bem.
            Como Ele disse: "É mister que venham os escândalos, mas ai daqueles por quem os escândalos vierem". Creio nisso!

            Otávio Gois

            [As partes desta mensagem que não continham texto foram removidas]
          • Marilia Magalhaes
            Queridos irmãs e irmãos da lista: Gostaria muito de agradecer a cada um de vocês pelas mensagens inspiradoras que são compartilhadas aqui. Amo muito esse
            Mensagem 5 de 17 , 16 de nov de 2007
              Queridos irmãs e irmãos da lista:

              Gostaria muito de agradecer a cada um de vocês pelas mensagens inspiradoras que são compartilhadas aqui. Amo muito esse grupo e tenho crescido bastante com vocês, mesmo sem nunca tê-los visto.

              Escrevo para dividir com todos minhas redescobertas no evangelho e meu testemunho renovado. (Aos que não sabem, estou de volta à Igreja desde o começo de outubro, após QUATRO anos afastada.)

              Não poderia contar TUDO que me tem acontecido desde que decidi assistir à 177ª Conferência Geral (ninguém leria um e-mail tão grande - hehehe), mas eu sinto a necessidade de compartilhar um ponto.

              Fui uma criança orgulhosa da Primária e garota arrogante da OM. Eu achava que sabia muito das coisas do Senhor... Uma amiga me lembrou ontem de uma certa discussão que tive com um professor da ORM. Resumindo: após dizer, solenemente, que ele estava errado, saí da sala batendo a porta e avisando que não voltaria enquanto o professor fosse tão despreparado! Que absurdo, eu vejo agora.

              Hoje eu nunca repetiria uma asneira dessas! Pelo contrário: tenho tentado ser mais tolerante, amável e preocupada, sinceramente, com os outros. Tenho tentado ser menos orgulhosa e mais doutrinável. No meu coração, tenho uma vontade imensa de servir ao Senhor por meio do serviço ao próximo.

              Não é para minha vonglória, mas para glória do Senhor que compartilho: Deus REALMENTE opera na gente uma transformação completa, de modo a nos usar como instrumentos Seus da maneira como Ele bem entende, quando a gente permite e deseja ser usada. Hoje eu compreendo mais o que Ele espera de mim. Eu sei que Ele sempre me ouviu, ouve e ouvirá. Nunca deixou de responder a minha menor e mais boba oração. E eu também estou aprendendo a ouvi-Lo. Sinto vergonha pelas coisas que já fiz e pelo modo como já vivi. Mas hoje tenho um testemunho pessoal de que a conversão é real! O Pai Celestial tem verdadeiros, reais e claros objetivos nas nossas vidas. Eu sei que o Sacrifício Expiatório de Cristo modifica as nossas vidas e nos leva para mais próximos do Pai. Há um Plano. Por meio dele, através de fé, obediência e serviço, herdamos todas as bênçãos de um Reino Celestial. Amo esse evangelho restaurado e de milagres. É em nome do Salvador Jesus Cristo que eu falo.

              Marília Magalhães
              Estaca Fortaleza Litoral
              Ala Floresta


              ---------------------------------
              Abra sua conta no Yahoo! Mail, o único sem limite de espaço para armazenamento!

              [As partes desta mensagem que não continham texto foram removidas]
            • politosmusical
              Cara Marília Obrigado por compartilhar seu sincero testemunho conosco. Eu fui missionário aí em Fortaleza em 1978, e gostei muito dos 4 meses que fiquei por
              Mensagem 6 de 17 , 17 de nov de 2007
                Cara Marília
                Obrigado por compartilhar seu sincero testemunho conosco.
                Eu fui missionário aí em Fortaleza em 1978, e gostei muito dos 4 meses que fiquei por aí.
                Naquela época só tinha meia capela construída, na Aldeota, e um só Ramo da Igreja na Capital.
                Fico muito feliz de saber do crescimento que teve a Igreja em Fortaleza.
                Eu me lembro muito bem das praias lindas (embora a gente não pudesse nadar), e dos membros espirituais e hospitaleiros.
                Foi em Fortaleza, inclusive, que eu fui operado de uma grave sinusite, na Clínica Santa Lucia (acho que era esse o nome), através da ajuda da Vitória Prieto, que era uma jovem de Fortaleza, e trabalhava lá na clínica.A operação foi um sucesso total, e uma semana depois eu estava trabalhando de novo.
                Fortaleza ficou marcada em minha vida, de forma muito positiva.
                Abraços

                Luiz Polito

                > Queridos irmãs e irmãos da lista:
                >
                > Gostaria muito de agradecer a cada um de vocês pelas mensagens inspiradoras que são compartilhadas aqui. Amo muito esse grupo e tenho crescido bastante com vocês, mesmo sem nunca tê-los visto.
                >
                > Escrevo para dividir com todos minhas redescobertas no evangelho e meu testemunho renovado. (Aos que não sabem, estou de volta à Igreja desde o começo de outubro, após QUATRO anos afastada.)
                >
                > Não poderia contar TUDO que me tem acontecido desde que decidi assistir à 177ª Conferência Geral (ninguém leria um e-mail tão grande - hehehe), mas eu sinto a necessidade de compartilhar um ponto.
                >
                > Fui uma criança orgulhosa da Primária e garota arrogante da OM. Eu achava que sabia muito das coisas do Senhor... Uma amiga me lembrou ontem de uma certa discussão que tive com um professor da ORM. Resumindo: após dizer, solenemente, que ele estava errado, saí da sala batendo a porta e avisando que não voltaria enquanto o professor fosse tão despreparado! Que absurdo, eu vejo agora.
                >
                > Hoje eu nunca repetiria uma asneira dessas! Pelo contrário: tenho tentado ser mais tolerante, amável e preocupada, sinceramente, com os outros. Tenho tentado ser menos orgulhosa e mais doutrinável. No meu coração, tenho uma vontade imensa de servir ao Senhor por meio do serviço ao próximo.
                >
                > Não é para minha vonglória, mas para glória do Senhor que compartilho: Deus REALMENTE opera na gente uma transformação completa, de modo a nos usar como instrumentos Seus da maneira como Ele bem entende, quando a gente permite e deseja ser usada. Hoje eu compreendo mais o que Ele espera de mim. Eu sei que Ele sempre me ouviu, ouve e ouvirá. Nunca deixou de responder a minha menor e mais boba oração. E eu também estou aprendendo a ouvi-Lo. Sinto vergonha pelas coisas que já fiz e pelo modo como já vivi. Mas hoje tenho um testemunho pessoal de que a conversão é real! O Pai Celestial tem verdadeiros, reais e claros objetivos nas nossas vidas. Eu sei que o Sacrifício Expiatório de Cristo modifica as nossas vidas e nos leva para mais próximos do Pai. Há um Plano. Por meio dele, através de fé, obediência e serviço, herdamos todas as bênçãos de um Reino Celestial. Amo esse evangelho restaurado e de milagres. É em nome do Salvador Jesus Cristo que eu falo.
                >
                > Marília Magalhães
                > Estaca Fortaleza Litoral
                > Ala Floresta
                >
                >
                > ---------------------------------
                > Abra sua conta no Yahoo! Mail, o único sem limite de espaço para armazenamento!
                >
                > [As partes desta mensagem que não continham texto foram removidas]
                >
                >
                >
                >
                > Links do Yahoo! Grupos
                >
                >
                >

                Luiz Polito
                Música ao Vivo - http://www.dbpolito.net/musica
                Genealogia - http://www.dbpolito.net/genealogia
                Ritmos para Teclado Yamaha e Roland(com disquete)-
                http://www.dbpolito.net/ritmos
              • Targino Silveira
                Minha amiga Marilia, meus parabéns pela sua nova visão, você teve que perder a velha para conseguir uma nova, porém a forma de como você adiquiriu a nova
                Mensagem 7 de 17 , 17 de nov de 2007
                  Minha amiga Marilia, meus parabéns pela sua nova
                  visão, você teve que perder a velha para conseguir uma
                  nova, porém a forma de como você adiquiriu a nova não
                  foi a melhor forma possivel, mas, conseguiu.

                  Lembro que um certo sabado pela manhão fui até im
                  pouco chato com você assim como fui com muitos na
                  missão, mas, o que importa é que o Pai te recebe como
                  o Pai que recebeu o filho prodigo nas escrituras, pois
                  tu estas de volta, e a tu também te pertence tudo o
                  que aos outros pertencem pois, o Pai muito nos ama.

                  Gosto demais desse grupo também, aqui sai de tudo,
                  meu batismos saiu desse grupo, fui para a missão e sai
                  desse grupo, outro amigo que serviu missão junto
                  comigo também saiu daqui do grupo, você redescobriu
                  seu testemunho com a ajuda do grupo.

                  Sinceramente não sei mais o que pode sair desse
                  grupo. ;=).

                  Um forte abraço a todos.
                  --- Marilia Magalhaes <mariliamusica@...>
                  escreveu:

                  > Queridos irmãs e irmãos da lista:
                  >
                  > Gostaria muito de agradecer a cada um de vocês pelas
                  > mensagens inspiradoras que são compartilhadas aqui.
                  > Amo muito esse grupo e tenho crescido bastante com
                  > vocês, mesmo sem nunca tê-los visto.
                  >
                  > Escrevo para dividir com todos minhas redescobertas
                  > no evangelho e meu testemunho renovado. (Aos que não
                  > sabem, estou de volta à Igreja desde o começo de
                  > outubro, após QUATRO anos afastada.)
                  >
                  > Não poderia contar TUDO que me tem acontecido desde
                  > que decidi assistir à 177ª Conferência Geral
                  > (ninguém leria um e-mail tão grande - hehehe), mas
                  > eu sinto a necessidade de compartilhar um ponto.
                  >
                  > Fui uma criança orgulhosa da Primária e garota
                  > arrogante da OM. Eu achava que sabia muito das
                  > coisas do Senhor... Uma amiga me lembrou ontem de
                  > uma certa discussão que tive com um professor da
                  > ORM. Resumindo: após dizer, solenemente, que ele
                  > estava errado, saí da sala batendo a porta e
                  > avisando que não voltaria enquanto o professor fosse
                  > tão despreparado! Que absurdo, eu vejo agora.
                  >
                  > Hoje eu nunca repetiria uma asneira dessas! Pelo
                  > contrário: tenho tentado ser mais tolerante, amável
                  > e preocupada, sinceramente, com os outros. Tenho
                  > tentado ser menos orgulhosa e mais doutrinável. No
                  > meu coração, tenho uma vontade imensa de servir ao
                  > Senhor por meio do serviço ao próximo.
                  >
                  > Não é para minha vonglória, mas para glória do
                  > Senhor que compartilho: Deus REALMENTE opera na
                  > gente uma transformação completa, de modo a nos usar
                  > como instrumentos Seus da maneira como Ele bem
                  > entende, quando a gente permite e deseja ser usada.
                  > Hoje eu compreendo mais o que Ele espera de mim. Eu
                  > sei que Ele sempre me ouviu, ouve e ouvirá. Nunca
                  > deixou de responder a minha menor e mais boba
                  > oração. E eu também estou aprendendo a ouvi-Lo.
                  > Sinto vergonha pelas coisas que já fiz e pelo modo
                  > como já vivi. Mas hoje tenho um testemunho pessoal
                  > de que a conversão é real! O Pai Celestial tem
                  > verdadeiros, reais e claros objetivos nas nossas
                  > vidas. Eu sei que o Sacrifício Expiatório de Cristo
                  > modifica as nossas vidas e nos leva para mais
                  > próximos do Pai. Há um Plano. Por meio dele, através
                  > de fé, obediência e serviço, herdamos todas as
                  > bênçãos de um Reino Celestial. Amo esse evangelho
                  > restaurado e de milagres. É em nome do Salvador
                  > Jesus Cristo que eu falo.
                  >
                  > Marília Magalhães
                  > Estaca Fortaleza Litoral
                  > Ala Floresta
                  >
                  >
                  > ---------------------------------
                  > Abra sua conta no Yahoo! Mail, o único sem limite de
                  > espaço para armazenamento!
                  >
                  > [As partes desta mensagem que não continham texto
                  > foram removidas]
                  >
                  >
                  >
                  >
                  > Links do Yahoo! Grupos
                  >
                  >
                  >
                  >


                  Sem mais vou ficando por aqui.

                  Targino Silveira
                  88-8811-7816


                  "A vida é um grande comércio, onde você recebe por aquilo que você paga."

                  targino_silveira@... => Yahoo MSN
                  targinosilveira@... => Microsoft MSN


                  Abra sua conta no Yahoo! Mail, o único sem limite de espaço para armazenamento!
                  http://br.mail.yahoo.com/
                • Raquel Damiani
                  É, quie bom Marília que vc tem um testemunho renovado..só aproveita e faz tuudo o que puder.. Concordo c/ vc e o irmão Silveira, desse grupo sai de tudo
                  Mensagem 8 de 17 , 17 de nov de 2007
                    É, quie bom Marília que vc tem um testemunho renovado..só aproveita e faz tuudo o que puder..
                    Concordo c/ vc e o irmão Silveira, desse grupo sai de tudo mesmo;só falta sair casamento agora...hehehehe..
                    Bjo para todos..

                    Targino Silveira <targino_silveira@...> escreveu:
                    Minha amiga Marilia, meus parabéns pela sua nova
                    visão, você teve que perder a velha para conseguir uma
                    nova, porém a forma de como você adiquiriu a nova não
                    foi a melhor forma possivel, mas, conseguiu.

                    Lembro que um certo sabado pela manhão fui até im
                    pouco chato com você assim como fui com muitos na
                    missão, mas, o que importa é que o Pai te recebe como
                    o Pai que recebeu o filho prodigo nas escrituras, pois
                    tu estas de volta, e a tu também te pertence tudo o
                    que aos outros pertencem pois, o Pai muito nos ama.

                    Gosto demais desse grupo também, aqui sai de tudo,
                    meu batismos saiu desse grupo, fui para a missão e sai
                    desse grupo, outro amigo que serviu missão junto
                    comigo também saiu daqui do grupo, você redescobriu
                    seu testemunho com a ajuda do grupo.

                    Sinceramente não sei mais o que pode sair desse
                    grupo. ;=).

                    Um forte abraço a todos.
                    --- Marilia Magalhaes <mariliamusica@...>
                    escreveu:

                    > Queridos irmãs e irmãos da lista:
                    >
                    > Gostaria muito de agradecer a cada um de vocês pelas
                    > mensagens inspiradoras que são compartilhadas aqui.
                    > Amo muito esse grupo e tenho crescido bastante com
                    > vocês, mesmo sem nunca tê-los visto.
                    >
                    > Escrevo para dividir com todos minhas redescobertas
                    > no evangelho e meu testemunho renovado. (Aos que não
                    > sabem, estou de volta à Igreja desde o começo de
                    > outubro, após QUATRO anos afastada.)
                    >
                    > Não poderia contar TUDO que me tem acontecido desde
                    > que decidi assistir à 177ª Conferência Geral
                    > (ninguém leria um e-mail tão grande - hehehe), mas
                    > eu sinto a necessidade de compartilhar um ponto.
                    >
                    > Fui uma criança orgulhosa da Primária e garota
                    > arrogante da OM. Eu achava que sabia muito das
                    > coisas do Senhor... Uma amiga me lembrou ontem de
                    > uma certa discussão que tive com um professor da
                    > ORM. Resumindo: após dizer, solenemente, que ele
                    > estava errado, saí da sala batendo a porta e
                    > avisando que não voltaria enquanto o professor fosse
                    > tão despreparado! Que absurdo, eu vejo agora.
                    >
                    > Hoje eu nunca repetiria uma asneira dessas! Pelo
                    > contrário: tenho tentado ser mais tolerante, amável
                    > e preocupada, sinceramente, com os outros. Tenho
                    > tentado ser menos orgulhosa e mais doutrinável. No
                    > meu coração, tenho uma vontade imensa de servir ao
                    > Senhor por meio do serviço ao próximo.
                    >
                    > Não é para minha vonglória, mas para glória do
                    > Senhor que compartilho: Deus REALMENTE opera na
                    > gente uma transformação completa, de modo a nos usar
                    > como instrumentos Seus da maneira como Ele bem
                    > entende, quando a gente permite e deseja ser usada.
                    > Hoje eu compreendo mais o que Ele espera de mim. Eu
                    > sei que Ele sempre me ouviu, ouve e ouvirá. Nunca
                    > deixou de responder a minha menor e mais boba
                    > oração. E eu também estou aprendendo a ouvi-Lo.
                    > Sinto vergonha pelas coisas que já fiz e pelo modo
                    > como já vivi. Mas hoje tenho um testemunho pessoal
                    > de que a conversão é real! O Pai Celestial tem
                    > verdadeiros, reais e claros objetivos nas nossas
                    > vidas. Eu sei que o Sacrifício Expiatório de Cristo
                    > modifica as nossas vidas e nos leva para mais
                    > próximos do Pai. Há um Plano. Por meio dele, através
                    > de fé, obediência e serviço, herdamos todas as
                    > bênçãos de um Reino Celestial. Amo esse evangelho
                    > restaurado e de milagres. É em nome do Salvador
                    > Jesus Cristo que eu falo.
                    >
                    > Marília Magalhães
                    > Estaca Fortaleza Litoral
                    > Ala Floresta
                    >
                    >
                    > ---------------------------------
                    > Abra sua conta no Yahoo! Mail, o único sem limite de
                    > espaço para armazenamento!
                    >
                    > [As partes desta mensagem que não continham texto
                    > foram removidas]
                    >
                    >
                    >
                    >
                    > Links do Yahoo! Grupos
                    >
                    >
                    >
                    >

                    Sem mais vou ficando por aqui.

                    Targino Silveira
                    88-8811-7816

                    "A vida é um grande comércio, onde você recebe por aquilo que você paga."

                    targino_silveira@... => Yahoo MSN
                    targinosilveira@... => Microsoft MSN

                    Abra sua conta no Yahoo! Mail, o único sem limite de espaço para armazenamento!
                    http://br.mail.yahoo.com/





                    ---------------------------------
                    Abra sua conta no Yahoo! Mail, o único sem limite de espaço para armazenamento!

                    [As partes desta mensagem que não continham texto foram removidas]
                  • Marilia Magalhaes
                    Caro irmão Polito: não há pelo que agradecer. Eu precisava fazer isso! Não sei se o senhor sabe, mas Fortaleza hoje é a missão que mais batiza. Temos
                    Mensagem 9 de 17 , 18 de nov de 2007
                      Caro irmão Polito: não há pelo que agradecer. Eu precisava fazer isso!
                      Não sei se o senhor sabe, mas Fortaleza hoje é a missão que mais batiza. Temos três sedes de Instituto aqui e não sei quantas estacas (me ajuda nessa, Targino). Sei que a minha, Litoral, está perto de ser dividida. E eu não duvido nada que o próximo Templo no Brasil seja aqui. Portanto, eu que agradeço por ter servido missão aqui Fico feliz de saber que nossa cidade ficou marcada de forma tão positiva na sua vida!

                      Amigo Targino: sim, você foi chato naquela manhã de sábado! E me julgou mais uma vez quando escreveu "a forma de como você adiquiriu a nova não foi a melhor forma possivel, mas, conseguiu". Hehehe. Sei que o Senhor desejava que eu tive tirado melhor proveito da bênção de ter nascido no convênio, mas essa forma, a mais dolorosa e perigosa, talvez tenha sido a única maneira de EU aprender... Cada um com sua cruz, né? Eu sempre soube que tudo o que você queria era, de fato, me ajudar. E ajudou! Obrigada, Targino, de coração.

                      Irmã Raquel: eu ia dizer a mesma coisa sobre a afirmação do Targino: só falta sair um casamento daqui. Hehehe. Já estou fazendo tudo que posso. Em breve terei mais novidades pra contar a vocês, espero. Só preciso orar mais um pouquinho e ter certeza da minha "pré-decisão".

                      Beijos e abraços a todos!

                      Marília Magalhães
                      Estaca Fortaleza Litoral
                      Ala Floresta


                      Raquel Damiani <quelsud16@...> escreveu: É, quie bom Marília que vc tem um testemunho renovado..só aproveita e faz tuudo o que puder..
                      Concordo c/ vc e o irmão Silveira, desse grupo sai de tudo mesmo;só falta sair casamento agora...hehehehe..
                      Bjo para todos..

                      Targino Silveira <targino_silveira@...> escreveu:
                      Minha amiga Marilia, meus parabéns pela sua nova
                      visão, você teve que perder a velha para conseguir uma
                      nova, porém a forma de como você adiquiriu a nova não
                      foi a melhor forma possivel, mas, conseguiu.

                      Lembro que um certo sabado pela manhão fui até im
                      pouco chato com você assim como fui com muitos na
                      missão, mas, o que importa é que o Pai te recebe como
                      o Pai que recebeu o filho prodigo nas escrituras, pois
                      tu estas de volta, e a tu também te pertence tudo o
                      que aos outros pertencem pois, o Pai muito nos ama.

                      Gosto demais desse grupo também, aqui sai de tudo,
                      meu batismos saiu desse grupo, fui para a missão e sai
                      desse grupo, outro amigo que serviu missão junto
                      comigo também saiu daqui do grupo, você redescobriu
                      seu testemunho com a ajuda do grupo.

                      Sinceramente não sei mais o que pode sair desse
                      grupo. ;=).

                      Um forte abraço a todos.
                      --- Marilia Magalhaes <mariliamusica@...>
                      escreveu:

                      > Queridos irmãs e irmãos da lista:
                      >
                      > Gostaria muito de agradecer a cada um de vocês pelas
                      > mensagens inspiradoras que são compartilhadas aqui.
                      > Amo muito esse grupo e tenho crescido bastante com
                      > vocês, mesmo sem nunca tê-los visto.
                      >
                      > Escrevo para dividir com todos minhas redescobertas
                      > no evangelho e meu testemunho renovado. (Aos que não
                      > sabem, estou de volta à Igreja desde o começo de
                      > outubro, após QUATRO anos afastada.)
                      >
                      > Não poderia contar TUDO que me tem acontecido desde
                      > que decidi assistir à 177ª Conferência Geral
                      > (ninguém leria um e-mail tão grande - hehehe), mas
                      > eu sinto a necessidade de compartilhar um ponto.
                      >
                      > Fui uma criança orgulhosa da Primária e garota
                      > arrogante da OM. Eu achava que sabia muito das
                      > coisas do Senhor... Uma amiga me lembrou ontem de
                      > uma certa discussão que tive com um professor da
                      > ORM. Resumindo: após dizer, solenemente, que ele
                      > estava errado, saí da sala batendo a porta e
                      > avisando que não voltaria enquanto o professor fosse
                      > tão despreparado! Que absurdo, eu vejo agora.
                      >
                      > Hoje eu nunca repetiria uma asneira dessas! Pelo
                      > contrário: tenho tentado ser mais tolerante, amável
                      > e preocupada, sinceramente, com os outros. Tenho
                      > tentado ser menos orgulhosa e mais doutrinável. No
                      > meu coração, tenho uma vontade imensa de servir ao
                      > Senhor por meio do serviço ao próximo.
                      >
                      > Não é para minha vonglória, mas para glória do
                      > Senhor que compartilho: Deus REALMENTE opera na
                      > gente uma transformação completa, de modo a nos usar
                      > como instrumentos Seus da maneira como Ele bem
                      > entende, quando a gente permite e deseja ser usada.
                      > Hoje eu compreendo mais o que Ele espera de mim. Eu
                      > sei que Ele sempre me ouviu, ouve e ouvirá. Nunca
                      > deixou de responder a minha menor e mais boba
                      > oração. E eu também estou aprendendo a ouvi-Lo.
                      > Sinto vergonha pelas coisas que já fiz e pelo modo
                      > como já vivi. Mas hoje tenho um testemunho pessoal
                      > de que a conversão é real! O Pai Celestial tem
                      > verdadeiros, reais e claros objetivos nas nossas
                      > vidas. Eu sei que o Sacrifício Expiatório de Cristo
                      > modifica as nossas vidas e nos leva para mais
                      > próximos do Pai. Há um Plano. Por meio dele, através
                      > de fé, obediência e serviço, herdamos todas as
                      > bênçãos de um Reino Celestial. Amo esse evangelho
                      > restaurado e de milagres. É em nome do Salvador
                      > Jesus Cristo que eu falo.
                      >
                      > Marília Magalhães
                      > Estaca Fortaleza Litoral
                      > Ala Floresta
                      >
                      >
                      > ---------------------------------
                      > Abra sua conta no Yahoo! Mail, o único sem limite de
                      > espaço para armazenamento!
                      >
                      > [As partes desta mensagem que não continham texto
                      > foram removidas]
                      >
                      >
                      >
                      >
                      > Links do Yahoo! Grupos
                      >
                      >
                      >
                      >

                      Sem mais vou ficando por aqui.

                      Targino Silveira
                      88-8811-7816

                      "A vida é um grande comércio, onde você recebe por aquilo que você paga."

                      targino_silveira@... => Yahoo MSN
                      targinosilveira@... => Microsoft MSN

                      Abra sua conta no Yahoo! Mail, o único sem limite de espaço para armazenamento!
                      http://br.mail.yahoo.com/

                      ---------------------------------
                      Abra sua conta no Yahoo! Mail, o único sem limite de espaço para armazenamento!

                      [As partes desta mensagem que não continham texto foram removidas]






                      ---------------------------------
                      Abra sua conta no Yahoo! Mail, o único sem limite de espaço para armazenamento!

                      [As partes desta mensagem que não continham texto foram removidas]
                    • Targino Silveira
                      ... Sim, são três sedes de instituto, se não me engano temos nove dez juntando a cidade de fortaleza e a cidade colada que tem a estaca Maracanau e uma ou
                      Mensagem 10 de 17 , 19 de nov de 2007
                        --- Marilia Magalhaes <mariliamusica@...>
                        escreveu:

                        > Caro irmão Polito: não há pelo que agradecer. Eu
                        > precisava fazer isso!
                        > Não sei se o senhor sabe, mas Fortaleza hoje é a
                        > missão que mais batiza. Temos três sedes de
                        > Instituto aqui e não sei quantas estacas (me ajuda
                        > nessa, Targino).

                        Sim, são três sedes de instituto, se não me engano
                        temos nove dez juntando a cidade de fortaleza e a
                        cidade colada que tem a estaca Maracanau e uma ou duas
                        estacas no interior, temos por volta de 12 estacas
                        quando a 25 anos atrás tinhamos apenas uma.


                        > Amigo Targino: sim, você foi chato naquela manhã de
                        > sábado!

                        Eu sempre sou chato, as vezes um verdadeiro militar
                        ;=)


                        > Irmã Raquel: eu ia dizer a mesma coisa sobre a
                        > afirmação do Targino: só falta sair um casamento
                        > daqui. Hehehe. Já estou fazendo tudo que posso. Em
                        > breve terei mais novidades pra contar a vocês,
                        > espero. Só preciso orar mais um pouquinho e ter
                        > certeza da minha "pré-decisão".

                        E a pessoa é daqui do grupo também, por que pra
                        valer os dois tem que ser daqui do grupo. kkkk.

                        Um forte abraço a todos.


                        Sem mais vou ficando por aqui.

                        Targino Silveira
                        88-8811-7816


                        "A vida é um grande comércio, onde você recebe por aquilo que você paga."

                        targino_silveira@... => Yahoo MSN
                        targinosilveira@... => Microsoft MSN


                        Abra sua conta no Yahoo! Mail, o único sem limite de espaço para armazenamento!
                        http://br.mail.yahoo.com/
                      • Marilia Magalhaes
                        ... Eu sempre sou chato, as vezes um verdadeiro militar ;=) Hehehe... ... E a pessoa é daqui do grupo também, por que pra valer os dois tem que ser daqui do
                        Mensagem 11 de 17 , 19 de nov de 2007
                          > Amigo Targino: sim, você foi chato naquela manhã de
                          > sábado!

                          Eu sempre sou chato, as vezes um verdadeiro militar
                          ;=)

                          Hehehe...


                          > Irmã Raquel: eu ia dizer a mesma coisa sobre a
                          > afirmação do Targino: só falta sair um casamento
                          > daqui. Hehehe. Já estou fazendo tudo que posso. Em
                          > breve terei mais novidades pra contar a vocês,
                          > espero. Só preciso orar mais um pouquinho e ter
                          > certeza da minha "pré-decisão".

                          E a pessoa é daqui do grupo também, por que pra
                          valer os dois tem que ser daqui do grupo. kkkk.

                          Relendo agora, parece eu quis dizer que estou fazendo tudo que posso para me casar com alguém do grupo, foi? Noooossa, não era isso não. Tava respondendo a outra coisa. Ficou descontextualizada e engraçada minha resposta. Hehehe. As novidades são outras, de outra "natureza". :)
                          Abraços a todos,

                          Marília






                          ---------------------------------
                          Abra sua conta no Yahoo! Mail, o único sem limite de espaço para armazenamento!

                          [As partes desta mensagem que não continham texto foram removidas]
                        • Marcelo Todaro
                          Irmãos, O testemunho abaixo foi enviado para mim por meio de meu blog e achei interessante compartilhá-lo com vocês. Um abraço, Marcelo ... De: Diário de
                          Mensagem 12 de 17 , 20 de nov de 2011
                            Irmãos,

                            O testemunho abaixo foi enviado para mim por meio de meu blog e achei
                            interessante compartilhá-lo com vocês.

                            Um abraço,

                            Marcelo

                            ---------- Mensagem encaminhada ----------
                            De: Diário de Marcelo Todaro <mt@...>
                            Data: 18 de novembro de 2011 20:44
                            Assunto: Msg do Diario de Marcelo Todaro
                            Para: mt@...


                            Mensagem enviada pelo Diário de Marcelo Todaro

                            Enviada em 18 de novembro de 2011 às 18:44
                            Endereço IP do remetente: 192.168.3.1

                            Nome: Camila de Souza Loiola Santos
                            E-mail: camila.loiola@...
                            Cidade/UF: Mauá/SP

                            Mensagem: Esse é meu testemunho... se você achar que pode ajudar
                            outras pessoas publicando em seu blog pode publicar .... se você
                            publicar só por favor me avise... Meu coração... Saudades de alguém
                            que esteve comigo tão pouco tempo, mas que marcou minha vida e meu
                            coração por toda a eternidade. Senti seu coração e todos os seus
                            movimentos um á um, a todo o momento, uma dádiva divina um presente de
                            Deus, um sentimento indescritível e supremo. Desde o primeiro dia já
                            senti sua presença dentro de mim, já soube o quanto era especial. A
                            ciência do homem duvidou, mas eu já havia recebido o aviso divino de
                            que estava lá, te amei desde o primeiro instante, já sabia que se
                            tratava de uma princesa celestial. O Dom da maternidade é tão sagrado
                            que pode realizar milagres e nos permite ver até mesmo aqueles
                            milagres que por muitas vezes nos passam despercebidos, nos permite
                            sentir e até ver a mão do senhor presente em tudo. Apesar de ter sido
                            uma gestação difícil pude aproveitar e prestar atenção em cada
                            movimento e mudança ocorrida. Cada vez que ouvia seu coração era uma
                            emoção maravilhosa, a cada ultra-som era como se estivesse vendo ela
                            fora da barriga, como se estivesse em meu colo, ela era linda e
                            delicada. Quando eu conversava com ela na barriga ela respondia, eu
                            sentia sua resposta fisicamente e emocionalmente , sabia que ela me
                            ouvia, podia sentir que ela me amava e que estava feliz por pertencer
                            a nossa família. Sei que no milênio estaremos juntas e trocaremos
                            muitas emoções e experiências. Senti seu crescimento passo a passo e
                            quando finalmente o Senhor decidiu que era o momento de nos
                            separarmos, ele me avisou primeiro que qualquer pessoa me disse
                            através de um sonho, disse que ela precisava partir, e mais uma vez me
                            deixou claro, que nos reencontraremos em breve no milênio. Tenho a
                            plena certeza de que as famílias poderão ser eternas de acordo com
                            nossa dignidade, sei que essa promessa é verdadeira não tenho mais fé
                            nisso sei que é verdade, só precisamos desenvolver a paciência de
                            esperar a hora certa para desfrutar dessa promessa. Sou grata ao Pai
                            Celestial por ter permitido que eu obtivesse essa certeza em meu
                            coração de maneira tão incontestável. Aconteça o que acontecer eu
                            jamais poderei negar isso. Passei por essa experiência pela segunda
                            vez e cada uma me ensinou algo diferente, mas uma confirmou a outra.
                            Minhas princesinhas Larissa e Letícia são meus maiores presentes,
                            estarão em meu coração por toda eternidade. O Mosias também foi um
                            presente divino, ele só tem 2 anos e me ensina a todo momento, sua
                            compreensão de tudo isso é surpreendente, ele parece ter essa mesma
                            certeza que eu tenho de que no milênio estaremos todos juntos
                            novamente. Isso fortalece meu testemunho, pois sei que ele esta sob
                            influencia de Deus, sua pureza permite uma ligação direta com Deus,
                            sei que foi preparado e orientado por Deus. Foi muito triste quando
                            soube que essa seria a vontade de Deus de novo, doeu muito, mas ao
                            mesmo tempo recebi um conforto e um consolo incrível realmente divino,
                            quando sentia vontade de desabafar e chorar sem parar, de desistir de
                            tudo mesmo, de não ver, de não falar, de não ouvir, de gritar, de
                            sumir e sei lá mais o que, esses sentimentos não duravam mais de 3
                            segundos e uma força surpreendente tomava conta de mim e me levantava
                            literalmente me consolando... É difícil transmitir com palavras o que
                            aconteceu, mas posso dizer que senti a presença do salvador ao meu
                            lado, era realmente ele quem estava ali me carregando no colo... As
                            pessoas diziam: ela perdeu o bebê! Mas eu sabia que isso era mentira,
                            eu já mais tive o sentimento de perda, mas sim de que teria que
                            esperar mais de 9 meses para desfrutar de sua companhia. Quando fui
                            pra sala de parto fui com o sentimento de que tudo ia ficar bem, que a
                            vontade do meu Pai Celestial que me ama, me conhece e sabe o que é
                            melhor pra mim, estava sendo feita. Quando ouvi a enfermeira dizer: —
                            Doutora pode mostrar para ela? — Pergunta se ela quer ver. Respondeu a
                            Doutora. A resposta foi imediata — Quero! A enfermeira a trouxe e eu
                            pôde vê-la e me emocionar assim como me emocionei quando vi o Mosias
                            nascer, seu corpinho estava formado e sei que na manhã da primeira
                            ressurreição seu Espírito nobre retornará para ele. Em todas as minhas
                            orações sempre termino com a frase: — Que seja feita sua vontade...
                            Essa frase é realmente sincera, sei que o Senhor sabe o que é melhor
                            para mim, então sei que ele sempre fará o melhor para mim,
                            independente da minha vontade. Por isso posso dizer que ele respondeu
                            todas as minhas orações e tudo aconteceu da melhor forma possível, e o
                            Senhor teve um propósito divino para tudo isso. Estou aqui para fazer
                            somente a vontade dele, para ser instrumento nas mãos dele para levar
                            sua obra adiante. Sou imensamente grata por ter tido a oportunidade de
                            passar por essa experiência sagrada, difícil e dolorosa, mas
                            extremamente sagrada. Pude sentir o amor do Salvador sob minha pele e
                            meu Espírito, gozei da presença continua do Salvador, estive em seus
                            braços muitas vezes, me consolou e confortou-me pessoalmente, trouxe a
                            mim a paz que precisava e principalmente senti o puro amor de Cristo
                            em minha vida. È incrível quando temos a oportunidade de viver a
                            realidade de suas promessas, de ver acontecer em sua própria vida o
                            que aprendemos a ter fé de que existem, e de repente não temos mais fé
                            e sim nos tornamos testemunhas da veracidade delas. O sentimento e a
                            confirmação de tudo isso, é capaz de transformar sua vida, de abrir
                            sua visão e até de permitir que vislumbre as maravilhas através do
                            véu. Quando abrimos a porta de nosso coração para deixar que Cristo
                            entre não estamos isentos de dores, nem de provações, tentações ou de
                            experiências ruins, mas estamos permitindo que Cristo passe por todas
                            essas coisas junto conosco nos fortalecendo e orientando. Sei que Deus
                            vive, ele me ama e proporcionou um caminho para que possamos voltar á
                            presença dele novamente em família, sei que ele ouve e responde minhas
                            orações e por amor a nos mandou seu filho Jesus Cristo a essa terra
                            para nos salvar. Sei que Jesus é o Cristo, ele me ama, sofreu e pagou
                            por meus pecados, me proporcionando então o direito do arrependimento,
                            ele ressuscitou permitindo que eu também o faça. Preparou-me, me
                            guiou, me conduziu, me orientou, me confortou, me consolou, me
                            fortaleceu e esteve ao meu lado em todo instante. Sinto a presença de
                            seu Santo Espírito sempre comigo. Eu o amo e confio em seu poder, ele
                            é meu irmão e meu amigo. Sou grata por ter esse conhecimento, e por
                            sentir seu amor por mim. Em nome de Jesus Cristo Amém... Ass: Camila
                            de Souza Loiola Santos membro da igreja desde meu nascimento hoje
                            fazem 28 anos. Esses acontecimentos são de 2002 a 2008...
                          • marcosmsb
                            Bom dia! O Presidente Boyd K. Packer, Presidente do Quórum dos Doze Apóstolos, ensinou: “Não é incomum ouvirmos um missionário dizer: ‘Como posso
                            Mensagem 13 de 17 , 15 de ago de 2014

                              Bom dia!

                              O Presidente Boyd K. Packer, Presidente do Quórum dos Doze Apóstolos, ensinou:

                              “Não é incomum ouvirmos um missionário dizer: ‘Como posso prestar um testemunho antes de adquiri-lo? Como posso testificar que Deus vive, que Jesus é o Cristo e que o evangelho é verdadeiro? Se eu não tenho esse testemunho, isso não seria desonesto?’

                              Oh! Se ao menos eu pudesse ensinar-lhes este único princípio: o testemunho é descoberto quando nós o prestamos!

                              Em algum lugar de nossa jornada em busca de conhecimento espiritual, existe aquele ‘salto de fé’, como os filósofos o chamam. É o momento em que chegamos até o limiar da luz e damos um passo para dentro da escuridão, para naquele instante descobrirmos que o caminho está iluminado por apenas um ou dois passos à nossa frente.”

                              Boyd K. Packer, “A Busca do Conhecimento Espiritual”, A Liahona,janeiro de 2007, p. 14

                              Não quero parecer apóstata, mas se a pessoa não tem testemunho e fica repetindo "Eu sei que a Igreja é verdadeira, que o Livro de Mótmon é verdadeiro e que Joseph Smith é um profeta de Deus"  , ela não vai ficar convencida de tanto repetir? Fica parecendo autoajuda.  O melhor não seria ponderar sobre os ensinamentos que recebemos e depois orar ao Senhor?

                              Att

                              Marcos

                            • Marcelo Todaro
                              Marcos, não creio que tenha sido intenção do Élder Packer dizer que alguém deve ficar repetindo mecanicamente a expressão de uma certeza que não tem.
                              Mensagem 14 de 17 , 15 de ago de 2014
                                Marcos, não creio que tenha sido intenção do Élder Packer dizer que alguém deve ficar repetindo mecanicamente a expressão de uma certeza que não tem.

                                Você só pode dizer que sabe de algo se realmente sabe (sob pena de estar faltando com a verdade).

                                Prestar testemunho é só uma das formas de obtê-lo e fortalecê-lo, mas não é a única. Associado a isso há a oração, o jejum e o praticar dos princípios do evangelho. É colocando o evangelho à prova que se pode saber se é verdadeiro ou não.

                                Espero ter ajudado.

                                Um abraço,

                                Marcelo


                                Em 15 de agosto de 2014 10:52, marcosmsb@... [mormons-br] <mormons-br@...> escreveu:
                                 

                                Bom dia!

                                O Presidente Boyd K. Packer, Presidente do Quórum dos Doze Apóstolos, ensinou:

                                “Não é incomum ouvirmos um missionário dizer: ‘Como posso prestar um testemunho antes de adquiri-lo? Como posso testificar que Deus vive, que Jesus é o Cristo e que o evangelho é verdadeiro? Se eu não tenho esse testemunho, isso não seria desonesto?’

                                Oh! Se ao menos eu pudesse ensinar-lhes este único princípio: o testemunho é descoberto quando nós o prestamos!

                                Em algum lugar de nossa jornada em busca de conhecimento espiritual, existe aquele ‘salto de fé’, como os filósofos o chamam. É o momento em que chegamos até o limiar da luz e damos um passo para dentro da escuridão, para naquele instante descobrirmos que o caminho está iluminado por apenas um ou dois passos à nossa frente.”

                                Boyd K. Packer, “A Busca do Conhecimento Espiritual”, A Liahona,janeiro de 2007, p. 14

                                Não quero parecer apóstata, mas se a pessoa não tem testemunho e fica repetindo "Eu sei que a Igreja é verdadeira, que o Livro de Mótmon é verdadeiro e que Joseph Smith é um profeta de Deus"  , ela não vai ficar convencida de tanto repetir? Fica parecendo autoajuda.  O melhor não seria ponderar sobre os ensinamentos que recebemos e depois orar ao Senhor?

                                Att

                                Marcos


                              • marcosmsb
                                Boa tarde! Os antimórmons (principalmente alguns ex-mormons) estão zombando de nosso testemunho. Eles citam estudiosos e seus estudos para querer provar que
                                Mensagem 15 de 17 , 15 de ago de 2014
                                  Boa tarde!
                                  Os antimórmons (principalmente alguns ex-mormons) estão zombando de nosso testemunho. Eles citam estudiosos e seus estudos para querer provar que o testemunho é algo meramente produto de nossa mente ou lavagem cerebral ou que de tanto repetir nos convencemos e proclamamos que é testemunho. Eles dizem que os membros da Igreja quando não tem argumentos usam do testemunho ou quando confrontados com as acusações dos antimórmons não aceitam a verdade porque estão cegos e so sabem falar do tal testemunho.
                                  Confesso que ando meio confuso por causa de material antimórmon que eu li, mas só não me afasto por três principais motivos:
                                  1- Testemunho.
                                  2- O que está escrito na primeira página do Livro de Mórmon: "Se há erros, são dos homens. Não condeneis portanto as coisas de Deus."
                                  3- A Obra Vicaria.
                                  Não irei entrar em detalhes, mas são esse 3 principais motivos.
                                  Att
                                  Marcos
                                • chbagatoli@yahoo.com.br
                                  Não sei se entendi bem, mas, o que me parece é que seu testemunho ou no que você acredita não está solidificado no sacrifício expiatório de Jesus
                                  Mensagem 16 de 17 , 15 de ago de 2014

                                    Não sei se entendi bem, mas, o que me parece é que seu testemunho ou no que você acredita não está solidificado no sacrifício expiatório de Jesus Cristo. Pra mim nemhuma religião, filosofia ou qq outra doutrina ensinou e ensina tão perfeitamente o amor do Salvador como aprendi na igreja, então, como posso não ter um testemunho? Independentemente do que falam, mesmo que não tenha argumentos, SEI QUE CRISTO É O MEU SALVADOR E MEU REDENTOR E que VIVE, como posso negar isso? Se o livro de Mórmon ainda é dúvida no seu coração a ponto estremecer por palavras de homens que nada sabem e que são considerados apóstatas, sim homens, simples homens, mesmo que com o direito de duvidar, perdem o seu tempo querendo provar algo que não acreditam, como posso acreditar em pessoas assim? São confiáveis? Que garantias podem me oferecer além do véu? Nada. Quase 200 anos e querem ainda provar algo que um homem nao seria capaz de escrever sozinho. Pra mim agora é tarde! Não me importa o digam dos profetas, são homens que Deus escolheu. Não consigo ver falhas neles e nem as procuro. Não consigo mais dizer que o livro não é verdadeiro, como? Pelos seus frutos os conhecereis, isso me basta. Meu testemunho é verdadeiro!
                                    Bagatoli

                                    Enviado do Yahoo Mail no Android



                                    From: marcosmsb@... [mormons-br] <mormons-br@...>;
                                    To: <mormons-br@...>;
                                    Subject: Re: [mormons-br] Testemunho
                                    Sent: Fri, Aug 15, 2014 7:16:45 PM

                                     

                                    Boa tarde!

                                    Os antimórmons (principalmente alguns ex-mormons) estão zombando de nosso testemunho. Eles citam estudiosos e seus estudos para querer provar que o testemunho é algo meramente produto de nossa mente ou lavagem cerebral ou que de tanto repetir nos convencemos e proclamamos que é testemunho. Eles dizem que os membros da Igreja quando não tem argumentos usam do testemunho ou quando confrontados com as acusações dos antimórmons não aceitam a verdade porque estão cegos e so sabem falar do tal testemunho.
                                    Confesso que ando meio confuso por causa de material antimórmon que eu li, mas só não me afasto por três principais motivos:
                                    1- Testemunho.
                                    2- O que está escrito na primeira página do Livro de Mórmon: "Se há erros, são dos homens. Não condeneis portanto as coisas de Deus."
                                    3- A Obra Vicaria.
                                    Não irei entrar em detalhes, mas são esse 3 principais motivos.
                                    Att
                                    Marcos
                                  • prado_485
                                    Obrigado por terem me convidado a participar deste grupo, pois que tenho aprendido bastante com essas mensagens e obrigado irmãos, pelos debates tão
                                    Mensagem 17 de 17 , 20 de ago de 2014
                                      Obrigado por terem me convidado a participar deste grupo, pois que
                                      tenho aprendido bastante com essas mensagens e obrigado irmãos, pelos
                                      debates tão interessantes.
                                      Também quero me desculpar, por não estar à altura da capacidade de
                                      conhecimento dos participantes, por não dispor do tempo que gostaria
                                      de disponibilizar nesta atividade para responder tantos assuntos e por
                                      não ser suficientemente puro e digno para estar devidamente inspirado
                                      para falar-lhes.
                                      Assim, quero dizer-lhes que sei ... sei que existe um mundo de
                                      transição, onde habitam bilhões e bilhões de pessoas que já viveram
                                      neste mundo com um corpo físico mortal; alguns habitam lá desde os
                                      tempos de Adão, um mundo tão grande que mesmo com os olhos
                                      espirituais, que proporcionam uma visão grandemente superior à estes
                                      olhos mortais, não podem visualizar completamente; onde habitam
                                      espíritos rebeldes, espíritos indolentes, grandes personagens que
                                      aguardam ansiosamente a ressurreição e grandes personagens desta
                                      história que já ressuscitaram ...
                                      Quero dizer-lhes que sei ... sei que Jesus Cristo em breve virá para
                                      reinar pessoalmente neste mundo, por um período de mil anos em nossa
                                      medida de tempo, quando coordenará milhões de ordenanças sagradas e
                                      bilhões de julgamentos individuais (você e eu teremos a nossa vez),
                                      quando este mundo receberá a sua glória paradisíaca temporária;
                                      Quero dizer-lhes que sei ... sei que a ressurreição será dada a todos,
                                      justos e injustos ressuscitarão com um corpo perfeito e imortal; mas
                                      uns ressuscitarão para serem exaltados, muitos para receberem sua
                                      recompensa eterna nas muitas moradas (incontáveis para os homens) mas
                                      não poderão jamais ver a Deus novamente e outros ressuscitarão para
                                      combater, para a condenação eterna; esses serão expulsos deste mundo
                                      para as trevas exteriores, reinarão sobre Satanás e este mundo
                                      receberá sua glória eterna;
                                      Sei, com toda a certeza, que se pudéssemos ver agora Deus, Jesus
                                      Cristo e O Espírito Santo os veríamos como três homens, pois que é o
                                      que Eles são: três pessoas, dois com corpo glorioso e um espírito.
                                      Sei destas verdades não apenas porque li ou porque vi, mas porque Deus
                                      as selou em meu ser, dando-me sabedoria pelo poder do Espírito Santo,
                                      porque lhE pedi, em nome de Seu Filho Jesus Cristo.
                                      Também deixo-lhes minhas admoestações:
                                      Não deixai nunca os rudimentos do Evangelho, orando constantemente,
                                      rogando a Deus em nome de Jesus Cristo, profundamente e com fé, crendo
                                      que será atendido, de preferência em jejum; assim também, nunca cessem
                                      de buscar entendimento nas Escrituras Sagradas, lendo tudo o que lhes
                                      for proporcionado e retendo o que for bom; também, em espírito de
                                      oração e jejum, constante arrependimento ...
                                      Wilson Prado
                                      Rio Branco, AC, 20 agosto 2014. Ala Esperança, Estaca Rio Branco, Acre.
                                    Sua mensagem foi enviada com êxito e será entregue aos destinatários em breve.