Carregando ...
Desculpe, ocorreu um erro ao carregar o conteúdo.
 

Saramago Alerta Chávez Para 'perigos Do Poder'

Expandir mensagens
  • Ubiratan Rocha da Silva
    Saramago Alerta Chávez Para perigos Do Poder BOGOTÁ, 16 FEV (ANSA) - O escritor português José Saramago, único Prêmio Nobel da Literatura da língua
    Mensagem 1 de 1 , 11 de abr de 2009
      Saramago Alerta Chávez Para 'perigos Do Poder'

      BOGOTÁ, 16 FEV (ANSA) - O escritor português José Saramago, único Prêmio Nobel da Literatura da língua portuguesa, sugeriu nesta segunda-feira ao presidente da Venezuela, Hugo Chávez, que tenha "muito cuidado com o poder" após a vitória do 'sim' no referendo que propôs a reeleição ilimitada para cargos públicos.
      "Eu com o presidente me permito, em nome do respeito que lhe devo, lhe sugerir que tenha muito cuidado porque o povo não pode ser vítima da prepotência, do abuso de um poder que o próprio povo lhe entregou", disse Saramago a uma rádio venezuelana.
      O escritor, de 86 anos, disse que, apesar de não ter "informação suficiente" sobre a Venezuela, estava opinando com sua "experiência".
      "O poder tem seus riscos e a possibilidade de um governo longo pode fazer, o que já ocorreu muitas vezes, com que se crie uma espécie de casta, uma casta do poder que perde com o tempo os laços, a comunicação com o povo", afirmou o escritor.
      Segundo Saramago, "isso pode ocorrer com o presidente Chávez, mas o presidente não é o único à frente da república da Venezuela".
      "Seus ministros, seus assessores, é ali onde eu digo que o poder não precisa ser absoluto para corromper", ressaltou.
      O autor de "Ensaio sobre a Cegueira", no entanto, ressaltou que congratulava "o presidente Chávez pela vitória".
      Os venezuelanos aprovaram ontem com 54,36% de apoio popular a emenda constitucional que permite a reeleição ilimitada a cargos públicos. Com o projeto, o presidente venezuelano poderá se candidatar a um novo mandato em 2012, quando encerra sua segunda gestão. (ANSA)
      16/02/2009 14:09

      © Copyright ANSA. Todos os direitos reservados.


      Fonte: http://www.ansa.it/ansalatinabr/notizie/fdg/200902161409338807/200902161409338807.html
    Sua mensagem foi enviada com êxito e será entregue aos destinatários em breve.