Carregando ...
Desculpe, ocorreu um erro ao carregar o conteúdo.
 

Italiano Sandro Veronesi e Jean-Louis Fournier vencem prémio Femina

Expandir mensagens
  • Ubiratan Rocha da Silva
    Italiano Sandro Veronesi e Jean-Louis Fournier vencem prémio Femina 03 de Novembro de 2008, 15:59 Paris, 03 Nov (Lusa) - O prémio literário Fémina de
    Mensagem 1 de 1 , 3 de nov de 2008
      Italiano Sandro Veronesi e Jean-Louis Fournier vencem prémio Femina

      03 de Novembro de 2008, 15:59

      Paris, 03 Nov (Lusa) - O prémio literário Fémina de romance
      estrangeiro distinguiu hoje o italiano Sandro Veronesi, por "Caos
      calmo", já traduzido em Portugal e transposto para o cinema com o
      actor e realizador Nanni Moretti no papel principal.

      Nascido em Florença em 1959, Sandro Veronesi conta no livro a
      história de um homem de 43 anos que, na sequência de um drama
      pessoal, descobre a face oculta das coisas e das pessoas que o
      rodeiam.

      Logo que os vencedores foram anunciados, Sandro Veronesi associou ao
      prémio o autor de "Gomorra", Roberto Saviano, ameaçado de morte pela
      camorra napolitana."Penso nesse jovem de 28 anos condenado à morte,
      ele é um símbolo para nós todos", declarou.

      "Ele tocou no coração doente da nossa sociedade. Nós temos sorte,
      recebemos prémios. Ele tem de esconder-se", disse ainda.

      "Caos calmo" venceu em Março último o Prémio Méditerranée estrangeiro
      2008.

      O prémio literário Femina para autores franceses foi atribuído ao
      romance "Où on va papa?", de Jean-Louis Fournier, um relato
      autobiográfico sobre os dois filhos, deficientes profundos, do
      escritor.

      O júri do prémio, composto apenas por mulheres, escolheu o livro de
      Fournier por oito votos, contra quatro para "Pour Vous", de Dominique
      Mainard.

      Desde a sua publicação em finais de Outubro, "Où on va papa?", 150
      páginas, vendeu em França mais de 100.000 exemplares.

      Com 69 anos e duas dezenas de títulos publicados, Fournier alcança a
      consagração com este livro, que é também um dos candidatos ao Prémio
      Goncourt, a anunciar no dia 10, juntamente com o Renaudot.

      O Femina na modalidade de Ensaio foi para "Voix off", do actor Denis
      Podalydès.

      RMM.

      Fonte: http://noticias.sapo.pt/lusa/artigo/790dd72279befa9b63fce0.html
    Sua mensagem foi enviada com êxito e será entregue aos destinatários em breve.