Carregando ...
Desculpe, ocorreu um erro ao carregar o conteúdo.
 

Músico pernambucano Mestre Salustiano morre aos 62 anos

Expandir mensagens
  • Ubiratan Rocha da Silva
    Um dos artistas mais influentes de Pernambuco morreu de arritmia cardíaca provocada pela doença de Chagas Da Redação - 31/08/2008, 16:32 O artista
    Mensagem 1 de 1 , 1 de set de 2008
      Um dos artistas mais influentes de Pernambuco morreu de arritmia
      cardíaca provocada pela doença de Chagas

      Da Redação - 31/08/2008, 16:32



      O artista pernambucano Manoel Salustiano, mais conhecido como Mestre
      Salustiano, morreu aos 62 anos de arritmia cardíaca provocada pela
      doença de Chagas, na manhã deste domingo (31), no Pronto-socorro
      Cardiológico de Pernambuco.

      Mestre Salustiano influenciou uma série de artistas pernambucanos
      como Siba, Chico Science e Antônio Nóbrega. Nascido em Aliança, Zona
      da Mata de Pernambuco, o artista sempre lutou pela preservação das
      manifestações culturais da Zona da Mata, como ciranda, coco, maracatu
      e caboclinho.

      Apesar de ser um dos artistas mais influentes da cultura popular
      pernambucana, Salustiano gravou apenas quatro álbuns em mais de 50
      anos de carreira: "Sonho da rabeca", "As três gerações", "Cavalo-
      marinho", e "Mestre Salu e a sua rabeca encantada".

      Em 2007, Salustiano recebeu o título de Patrimônio vivo de
      Pernambuco. Ele também participou das mini-séries da Rede Globo "A
      Pedra do Reino" e "Hoje É Dia de Maria".

      O velório do artista acontece na Casa da Rabeca, em Olinda, local
      onde Salustiano fazia suas apresentações e recebia outros
      representantes da cultura popular. O enterro acontecerá na próxima
      segunda-feira (1º de setembro), no cemitério Morada da Paz, em
      Paulista.

      Fonte: http://www.abril.com.br/noticia/diversao/no_298253.shtml


      urs.bira
    Sua mensagem foi enviada com êxito e será entregue aos destinatários em breve.