Carregando ...
Desculpe, ocorreu um erro ao carregar o conteúdo.
 

Re: Zine BHz - tamola

Expandir mensagens
  • Bittencourt .
    gente, li a tal revista ontem. ela tem muitas deficiências sim, mas acho que eles podem melhorar e contribuir com a e-music, pois uma revista é um ótimo
    Mensagem 1 de 8 , 7 de dez 08h57min
      gente, li a tal revista ontem. ela tem muitas defici�ncias sim,
      mas acho que eles podem melhorar e contribuir com a e-music, pois uma
      revista � um �timo meio de informa��o. E realmente senti uma
      necessidade de dizer o que eu pensava para a tal da b�rbara
      t�mola.

      mandei ontem, e ela j� respondeu.

      me apresentei, tal..

      meus coment�rios foram:

      "quanto � sua coluna:

      - vc parece ter uma personalidade forte, falar tudo que pensa, e
      questionar bastante. isso � bom. a n�o ser quando escreve com
      um "qu�" de quem � a dona da verdade, como foi no caso da
      cr�tica sobre a rem�dio, da rave eternity e do ciano.

      bem, eu adorei a rem�dio. se vc nao gostou do asad, tudo bem - mas
      da� a questionar a �qualidade� dele... n�o concordo. com
      todo respeito, acho que vc s� falou besteira, e o cinismo s� piorou
      o texto.

      qto �s festas de trance na cidade, bem, � dif�cil encontrar
      algu�m que odeie mais o psy trance do que eu. acho tudo u� - desde a
      m�sica at� o visual das pessoas, da decora��o.

      minha breve opini�o acerca do sucesso desse estilo � o fato de
      que nessas raves a molecada (totalmente leiga em e-music) nao vai pra
      ouvir o som, e sim pra tomar �cido, fumar maconha e beijar na boca
      (nada contra esse �ltimo..). depois de ingerir tanta merda,
      qualquer barulho torna-se sua m�sica predileta pra dan�ar... a� fica
      f�cil.

      mas se o ciano d� tantas festas na cidade, deve ser porque elas
      enchem, e a� ele ganha dinheiro. e ganha tamb�m p�blico pras
      raves, expande seus seguidores.. e tal. nao acho q ele esteja errado - bobo
      ele nunca foi.

      e qto ao flausino - se eu fosse famoso como ele e gostasse de musica
      eletronica, l�gico q nao perderia a oportunidade de tocar numa
      festa.. antes ouvir ele discotecando do que ter que encarar o jota
      quest com uma sonoridade eletr�nica... j� pensou??
      peloamordedeus..... ia conseguir ficar pior ainda..

      bem, j� falei demais, desculpa.

      espero que possamos discutir nossos pontos de vista numa boa!!

      novamente parabenizo a revista e especialmente vc, porque sei que

      imposs�vel escrever cr�ticas e logo depois n�o ser
      apedrejado pelos que n�o foram elogiados...

      um grande abra�o

      bittencourt"


      e ela respondeu:

      "Em primeiro lugar, muito obrigada pela aten��o e pelas
      cr�ticas ( as boas e as ruins, � assim que a gente melhora! ). Bom, sobre o
      fato de eu ter um qu� de dona da verdade, � porque �s vezes eu
      prefiro dar uma pesada na m�o pra ver se as pessoas tomam um choque e criam
      opini�o pr�pria. Como � uma coluna assinada, minhas
      opini�es est�o ali, mas n�o significa, nem eu quero, que seja a verdade...
      Se eu estivesse escrevendo a resenha do Asad, no After Hours, seria
      diferente, a� voc� tem que ser mais neutro... A quest�o do
      Ciano, foi s� uma alfinetada, no fundo eu respeito ele por ter conseguido
      construir uma coisa grande, que hoje � a Psicotrance. J� o
      Flausino, n�o tem jeito: seria como convidar o Noise pra tocar guitarra
      abrindo o show do Eric Clepton...
      Um grande abra�o,
      B�rbara "

      � isso.

      []
      bittencourt

      aquecendo pra hoje...


      _________________________________________________________________
      Get your FREE download of MSN Explorer at http://explorer.msn.com/intl.asp
    • djfogbr
      ... pra ... ... Ô Bittencourt, aí vc é que tá sendo preconceituoso, né? Cada um faz o que quiser, beija quem quiser, toma a droga que quiser... E sobre
      Mensagem 2 de 8 , 7 de dez 09h30min
        --- In bh-vibe@y..., "Bittencourt ." <heygetoutofmyway@h...> wrote:
        ...
        > minha breve opinião acerca do sucesso desse estilo é o fato de
        > que nessas raves a molecada (totalmente leiga em e-music) nao vai
        pra
        > ouvir o som, e sim pra tomar ácido, fumar maconha e beijar na boca
        > (nada contra esse último..). depois de ingerir tanta merda,
        > qualquer barulho torna-se sua música predileta pra dançar... aí fica
        > fácil.
        ...

        Ô Bittencourt, aí vc é que tá sendo preconceituoso, né? Cada um faz o
        que quiser, beija quem quiser, toma a droga que quiser...

        E sobre isso de reclamar que fulano ou ciclano que vai nas festas é
        leigo em emusic (já rolou este papo aqui antes), acho isso muito fora
        de propósito. Tem que curtir, dançar, e não ser especialista em
        música... Fica parecendo que tem uma elite que entende de emusic e
        que está acima dos outros mortais...
      • felipeinloco
        oi lista, Bem naum estou escrevendo para discutir o zinebh, mais eu gostaria de saber da galera mais experiente na night se o trance é tão mau visto pelas
        Mensagem 3 de 8 , 7 de dez 09h42min
          oi lista,

          Bem naum estou escrevendo para discutir o zinebh, mais eu gostaria de
          saber da galera mais experiente na night se o trance é tão mau visto
          pelas pessoas realmente...

          pq do pessoal q pelo menos fala q é mais experiente, o trance é uma
          bosta, soh serve para moleque queimar neurônios...??!?!

          sei lá, se o trance naum é tão bom assim pq tanta gente gosta?? so
          por falta de experiência?? por molecagem??

          sempre escutei q esse tipo de gente q foi citada no e-mail do
          bittencourt soh começou a entrar na cena recentemente, tanto q há um
          monte de protestos contra esses caras, na cena trance mesmo...

          em alguns forums de discussão de e-muzic, eu vi varios comentários
          contra esse tipo de atitude de caras velhos na cena, condenado várias
          coisas, tipo essas q o bittencourt falou...
          aqui vai uma matéira pra vcs q querem se informar a respeito:

          http://www.mood.com.br/1110/rave.htm

          e outra matéria sobre depressão pós clubbing::>>

          http://www.mood.com.br/0712/posclubing.htm

          aí fica a minha pergunta... e repondam por favor, se for realmente
          isso vou procurar saber mais ainda sobre outros estilos e tal...

          valeu,

          <<plur pra todos>>

          Felipe


          --- Em bh-vibe@y..., "Bittencourt ." <heygetoutofmyway@h...> escreveu
          > gente, li a tal revista ontem. ela tem muitas deficiências sim,
          > mas acho que eles podem melhorar e contribuir com a e-music, pois
          uma
          > revista é um ótimo meio de informação. E realmente senti uma
          > necessidade de dizer o que eu pensava para a tal da bárbara
          > tâmola.
          >
          > mandei ontem, e ela já respondeu.
          >
          > me apresentei, tal..
          >
          > meus comentários foram:
          >
          > "quanto à sua coluna:
          >
          > - vc parece ter uma personalidade forte, falar tudo que pensa, e
          > questionar bastante. isso é bom. a não ser quando escreve com
          > um "quê" de quem é a dona da verdade, como foi no caso da
          > crítica sobre a remédio, da rave eternity e do ciano.
          >
          > bem, eu adorei a remédio. se vc nao gostou do asad, tudo bem - mas
          > daí a questionar a ´qualidade´ dele... não concordo. com
          > todo respeito, acho que vc só falou besteira, e o cinismo só piorou
          > o texto.
          >
          > qto às festas de trance na cidade, bem, é difícil encontrar
          > alguém que odeie mais o psy trance do que eu. acho tudo uó - desde a
          > música até o visual das pessoas, da decoração.
          >
          > minha breve opinião acerca do sucesso desse estilo é o fato de
          > que nessas raves a molecada (totalmente leiga em e-music) nao vai
          pra
          > ouvir o som, e sim pra tomar ácido, fumar maconha e beijar na boca
          > (nada contra esse último..). depois de ingerir tanta merda,
          > qualquer barulho torna-se sua música predileta pra dançar... aí fica
          > fácil.
          >
          > mas se o ciano dá tantas festas na cidade, deve ser porque elas
          > enchem, e aí ele ganha dinheiro. e ganha também público pras
          > raves, expande seus seguidores.. e tal. nao acho q ele esteja
          errado - bobo
          > ele nunca foi.
          >
          > e qto ao flausino - se eu fosse famoso como ele e gostasse de musica
          > eletronica, lógico q nao perderia a oportunidade de tocar numa
          > festa.. antes ouvir ele discotecando do que ter que encarar o jota
          > quest com uma sonoridade eletrônica... já pensou??
          > peloamordedeus..... ia conseguir ficar pior ainda..
          >
          > bem, já falei demais, desculpa.
          >
          > espero que possamos discutir nossos pontos de vista numa boa!!
          >
          > novamente parabenizo a revista e especialmente vc, porque sei que
          > é
          > impossível escrever críticas e logo depois não ser
          > apedrejado pelos que não foram elogiados...
          >
          > um grande abraço
          >
          > bittencourt"
          >
          >
          > e ela respondeu:
          >
          > "Em primeiro lugar, muito obrigada pela atenção e pelas
          > críticas ( as boas e as ruins, é assim que a gente melhora! ). Bom,
          sobre o
          > fato de eu ter um quê de dona da verdade, é porque às vezes eu
          > prefiro dar uma pesada na mão pra ver se as pessoas tomam um choque
          e criam
          > opinião própria. Como é uma coluna assinada, minhas
          > opiniões estão ali, mas não significa, nem eu quero, que seja a
          verdade...
          > Se eu estivesse escrevendo a resenha do Asad, no After Hours, seria
          > diferente, aí você tem que ser mais neutro... A questão do
          > Ciano, foi só uma alfinetada, no fundo eu respeito ele por ter
          conseguido
          > construir uma coisa grande, que hoje é a Psicotrance. Já o
          > Flausino, não tem jeito: seria como convidar o Noise pra tocar
          guitarra
          > abrindo o show do Eric Clepton...
          > Um grande abraço,
          > Bárbara "
          >
          > é isso.
          >
          > []
          > bittencourt
          >
          > aquecendo pra hoje...
          >
          >
          > _________________________________________________________________
          > Get your FREE download of MSN Explorer at
          http://explorer.msn.com/intl.asp
        • djfogbr
          Respondendo a felipeinloco : Bem, regra geral, não gosto de trance. Acho as festas com goa legais, já passei dois ótimos reveillons em
          Mensagem 4 de 8 , 7 de dez 10h09min
            Respondendo a "felipeinloco" <nogueira@p...>:

            Bem, regra geral, não gosto de trance. Acho as festas com goa legais,
            já passei dois ótimos reveillons em trancoso, a pista costuma ser
            muito animada. Mas a música, em si, não me faz realmente a cabeça. Se
            eu estiver aditivado aí vai, consigo entrar no espírito, mas só
            assim. E, a menos que os fãs de trance da lista estejam calados, acho
            que a maioria desta lista tb não gosta.

            Vc disse:
            > sei lá, se o trance naum é tão bom assim pq tanta gente gosta?? so
            > por falta de experiência?? por molecagem??

            Essa aí é fácil. Sem querer falar mal de ninguém, quantidade de
            público não diz nada, né? Preciso citar exemplo de bandas ruins com
            público recorde?

            Acho que a lista aqui está aberta para todos os gostos, todo mundo
            tem de ser respeitado, acho que vc deve continuar a defender o que vc
            gosta. Mas se vc gosta realmente de trance, tem listas por aí
            especializadas no assunto, acho que vc deveria assiná-las também,
            talvez tenham mais pessoas com o gosto parecido com o seu.

            []s.
          • Filipe Forattini C
            gente.. abaixo segue um email daqueles bem desabafo ok ? desculpem o tamanho dele e tambem o conteudo. nao quero , de for alguma , atingir ninguem aqui
            Mensagem 5 de 8 , 7 de dez 10h32min
              gente.. abaixo segue um email daqueles bem desabafo ok ?
              desculpem o tamanho dele e tambem o conteudo.
              nao quero , de for alguma , atingir ninguem aqui pessoalmente..
              mas.. tem hora que ateh o papa cansa.

              lah vai

              ______________________________________

              o trance , principalmente o q eh tocado hj em dia , eh uma musica , em sua
              formacao , pobre. uma musica pouco elaborada , feita com poucos recursos
              ( o que nem sempre eh um ponto negativo ).

              o foda eh que o trance nao evoluiu nem um metro.. muito pelo contrario...
              tenho muita saudades de jam and spoon... e outras coisas que poderiam ser
              chamadas de trance.

              o laurent garnier chama o selo kanzlerant ( heiko laux ) de trance.. e pra
              mim eh um dos melhores selos de techno. mas... eh bonito.. eh viajante.. e
              isso da o carater trance da coisa..

              psy , goa.. essas coisas tem de viajante uns sons indianos ( q ja foram
              excessivamente usados ) e alguns sons chamados de psicodelicos..

              olha soh .. pra mim psicodelico eh um super house negao com dub e sons
              vindos da california ( house costa oeste , casa del soul ,, panhandle , ,
              ... ) eh aquele lance paz e amor ,, meio jazz meio rock meio eletronico
              e bem funk !!! tem coisa mais psicodelica do que funk a la george clinton (
              funkadelic ) . isso sim pra mim eh psicodelico.

              hj em dia quando eu escuto esse povo tocar psy , hard , goa .. trance . tudo
              me lembra um galpao sujo frio em alguma cidade do interior da alemanha..

              eu sinto que existe uma ENORME discrepancia entre o que a " familia "
              trance quer passar ( a historia da paz , amor , liberdade , uniao ,
              comunhao , ) os seus atos e o vibe que a sua musica passa.

              o pessoal tem tocado umas coisas muito dark, que sinceramente me dao mais
              medo do que o jeff mills em seus tempos de macabrice .

              quando o goa trance comecou , em goa , uma ilha na india .. ele era feito
              usando pouca coisa e tinha uma significancia local incrivel . imaginem..
              era musica eletronica, feita em uma ilha , na india , que misturava o
              oriental com o europeu . tentador nao ?? porem tudo virou uma grande
              formula e tudo ficou muito parecido.



              agora... meus dois centavos e desabafo pq esse papo de trance na lista ta
              comecando a cansar !!!

              lah vai :

              pra mim trance eh muito rapido.
              nao tem groove
              raramente tem baixo.
              eh mal feito.
              mal tocado
              e quase nunca MIXADO.

              Eh uma musica que deveria te evoluido e
              influenciado outros estilos... e ,, se agente pensar bem. . o inicio do
              trance fez isso , e muito ! mas. hj em dia... quem vai se inspirar em
              barulhos aleatorios chamos de psicodelicos e naquela batida sem forca ?>
              toc toc toc..


              e qual eh a do dig doin dig doin dig doin ?? oq seeeempre tem que ter o
              digdoin ?????? alguem me explica >??

              dig doin dig doin dig doin ..
              isso era pra ser o baixo ????

              entao ta faltando , na minha opiniao , abertura dos produtores de trance ,
              em aprender outras coisas relacionadas com producao musical..

              sabe.. ninguem mora mais em goa .. .e fica fazendo musica com drum machine e
              algum outro equipamento enferrujado..
              hj com um um computador , paciencia , humildade, talendo e bom gosto vc
              consegue fazer muita coisa boa !!!!!!!!!!!!

              entao... eu penso que o trance , do jeito que esta, soh vai atrair a
              molecada mesmo. pq ele nao te faz pensar, raramente te emociona ( diferente
              do melodico ,, q eu nao gosto ... mas eh feito soh pra emocionar ) . eh uma
              musica pra vc pirar,, dancar .. e no meio da confusao de musica , pano fluor
              , drogas , religiao ( outro absurdo do trance.. querer misturar isso tbm )
              vc entrar em transe..

              po ... ae fic a facil....

              vc entra no lance e ja te falam o que vc tem que fazer.. do inicio ao fim .


              EH CLARO QUE EXISTE COISA BOA !!!!! E GENTE BOA NESSE MEIO !!!!

              EH CLARO QUE EXISTE DJ QUE MIXA TRANCE !!!!!!





              chega de musica doida, festa doida, roupa doida , pano doido , droga doida..

              musica eh pro espirito. faz bem pra cabeca e pro coracao..


              nao tem que misturar religiao no meio .. nao tem que falar q eh familia..
              nao tem que fazer nada !!! eh escutar e sentir..

              se as pessoas fizessem mais isso.. tavez tivesse menos gente escutando psy
              hard goa ...


              abracos

              f

              e fala serio .. o hit trance do ano foi a musica do mario bros !!! o q mais
              uma vez comprova minha teoria de que os produtores de trance ruim fazem
              musica usando play station.












              on 07.12.01 15:42, felipeinloco at nogueira@... wrote:

              > oi lista,
              >
              > Bem naum estou escrevendo para discutir o zinebh, mais eu gostaria de
              > saber da galera mais experiente na night se o trance é tão mau visto
              > pelas pessoas realmente...
              >
              > pq do pessoal q pelo menos fala q é mais experiente, o trance é uma
              > bosta, soh serve para moleque queimar neurônios...??!?!
              >
              > sei lá, se o trance naum é tão bom assim pq tanta gente gosta?? so
              > por falta de experiência?? por molecagem??
              >
              > sempre escutei q esse tipo de gente q foi citada no e-mail do
              > bittencourt soh começou a entrar na cena recentemente, tanto q há um
              > monte de protestos contra esses caras, na cena trance mesmo...
              >
              > em alguns forums de discussão de e-muzic, eu vi varios comentários
              > contra esse tipo de atitude de caras velhos na cena, condenado várias
              > coisas, tipo essas q o bittencourt falou...
              > aqui vai uma matéira pra vcs q querem se informar a respeito:
              >
              > http://www.mood.com.br/1110/rave.htm
              >
              > e outra matéria sobre depressão pós clubbing::>>
              >
              > http://www.mood.com.br/0712/posclubing.htm
              >
              > aí fica a minha pergunta... e repondam por favor, se for realmente
              > isso vou procurar saber mais ainda sobre outros estilos e tal...
              >
              > valeu,
              >
              > <<plur pra todos>>
              >
              > Felipe
              >
              >
              > --- Em bh-vibe@y..., "Bittencourt ." <heygetoutofmyway@h...> escreveu
              >> gente, li a tal revista ontem. ela tem muitas deficiências sim,
              >> mas acho que eles podem melhorar e contribuir com a e-music, pois
              > uma
              >> revista é um ótimo meio de informação. E realmente senti uma
              >> necessidade de dizer o que eu pensava para a tal da bárbara
              >> tâmola.
              >>
              >> mandei ontem, e ela já respondeu.
              >>
              >> me apresentei, tal..
              >>
              >> meus comentários foram:
              >>
              >> "quanto à sua coluna:
              >>
              >> - vc parece ter uma personalidade forte, falar tudo que pensa, e
              >> questionar bastante. isso é bom. a não ser quando escreve com
              >> um "quê" de quem é a dona da verdade, como foi no caso da
              >> crítica sobre a remédio, da rave eternity e do ciano.
              >>
              >> bem, eu adorei a remédio. se vc nao gostou do asad, tudo bem - mas
              >> daí a questionar a ´qualidade´ dele... não concordo. com
              >> todo respeito, acho que vc só falou besteira, e o cinismo só piorou
              >> o texto.
              >>
              >> qto às festas de trance na cidade, bem, é difícil encontrar
              >> alguém que odeie mais o psy trance do que eu. acho tudo uó - desde a
              >> música até o visual das pessoas, da decoração.
              >>
              >> minha breve opinião acerca do sucesso desse estilo é o fato de
              >> que nessas raves a molecada (totalmente leiga em e-music) nao vai
              > pra
              >> ouvir o som, e sim pra tomar ácido, fumar maconha e beijar na boca
              >> (nada contra esse último..). depois de ingerir tanta merda,
              >> qualquer barulho torna-se sua música predileta pra dançar... aí fica
              >> fácil.
              >>
              >> mas se o ciano dá tantas festas na cidade, deve ser porque elas
              >> enchem, e aí ele ganha dinheiro. e ganha também público pras
              >> raves, expande seus seguidores.. e tal. nao acho q ele esteja
              > errado - bobo
              >> ele nunca foi.
              >>
              >> e qto ao flausino - se eu fosse famoso como ele e gostasse de musica
              >> eletronica, lógico q nao perderia a oportunidade de tocar numa
              >> festa.. antes ouvir ele discotecando do que ter que encarar o jota
              >> quest com uma sonoridade eletrônica... já pensou??
              >> peloamordedeus..... ia conseguir ficar pior ainda..
              >>
              >> bem, já falei demais, desculpa.
              >>
              >> espero que possamos discutir nossos pontos de vista numa boa!!
              >>
              >> novamente parabenizo a revista e especialmente vc, porque sei que
              >> é
              >> impossível escrever críticas e logo depois não ser
              >> apedrejado pelos que não foram elogiados...
              >>
              >> um grande abraço
              >>
              >> bittencourt"
              >>
              >>
              >> e ela respondeu:
              >>
              >> "Em primeiro lugar, muito obrigada pela atenção e pelas
              >> críticas ( as boas e as ruins, é assim que a gente melhora! ). Bom,
              > sobre o
              >> fato de eu ter um quê de dona da verdade, é porque às vezes eu
              >> prefiro dar uma pesada na mão pra ver se as pessoas tomam um choque
              > e criam
              >> opinião própria. Como é uma coluna assinada, minhas
              >> opiniões estão ali, mas não significa, nem eu quero, que seja a
              > verdade...
              >> Se eu estivesse escrevendo a resenha do Asad, no After Hours, seria
              >> diferente, aí você tem que ser mais neutro... A questão do
              >> Ciano, foi só uma alfinetada, no fundo eu respeito ele por ter
              > conseguido
              >> construir uma coisa grande, que hoje é a Psicotrance. Já o
              >> Flausino, não tem jeito: seria como convidar o Noise pra tocar
              > guitarra
              >> abrindo o show do Eric Clepton...
              >> Um grande abraço,
              >> Bárbara "
              >>
              >> é isso.
              >>
              >> []
              >> bittencourt
              >>
              >> aquecendo pra hoje...
              >>
              >>
              >> _________________________________________________________________
              >> Get your FREE download of MSN Explorer at
              > http://explorer.msn.com/intl.asp
              >
              >
              > Se você não quer mais assinar a lista, mande um e-mail em branco para:
              > bh-vibe-unsubscribe@yahoogroups.com
              >
              >
              >
              > Seu uso do Yahoo! Grupos é sujeito às regras descritas em:
              > http://br.yahoo.com/info/utos.html
              >
              >
            • felipeinloco
              concordo plenamente com o q vc disse a respeito do público recorde, e nem precisa de dar exemplos né... agora a respeito de listas, assino várias listas de
              Mensagem 6 de 8 , 7 de dez 11h17min
                concordo plenamente com o q vc disse a respeito do público recorde, e
                nem precisa de dar exemplos né...

                agora a respeito de listas, assino várias listas de trance, forums e
                tal, se vc achar alguma em bh me fale por favor!!
                afinal sou daqui, e única q eu achei de e-music em bh foi essa...

                e vc tinha falado q soh consegue entrar no clima da festa se
                estiver "aditivado" tem gente q naum é assim, nem vou falar de
                espiritualidade pq aqui naum tem muita gente q gosta de trance,
                entaum nem vão saber direito no q eu estou falando, mais vc q já
                frequentou essas festas deve ter percebido coisas do tipo...

                alguém sabe alguma coisa sobre o prejeto psicotrance em bh??
                se alguém souber me fale por favor...


                <<plur pra todos>>

                Felipe



                --- Em bh-vibe@y..., "djfogbr" <fog@b...> escreveu
                > Respondendo a "felipeinloco" <nogueira@p...>:
                >
                > Bem, regra geral, não gosto de trance. Acho as festas com goa
                legais,
                > já passei dois ótimos reveillons em trancoso, a pista costuma ser
                > muito animada. Mas a música, em si, não me faz realmente a cabeça.
                Se
                > eu estiver aditivado aí vai, consigo entrar no espírito, mas só
                > assim. E, a menos que os fãs de trance da lista estejam calados,
                acho
                > que a maioria desta lista tb não gosta.
                >
                > Vc disse:
                > > sei lá, se o trance naum é tão bom assim pq tanta gente gosta??
                so
                > > por falta de experiência?? por molecagem??
                >
                > Essa aí é fácil. Sem querer falar mal de ninguém, quantidade de
                > público não diz nada, né? Preciso citar exemplo de bandas ruins com
                > público recorde?
                >
                > Acho que a lista aqui está aberta para todos os gostos, todo mundo
                > tem de ser respeitado, acho que vc deve continuar a defender o que
                vc
                > gosta. Mas se vc gosta realmente de trance, tem listas por aí
                > especializadas no assunto, acho que vc deveria assiná-las também,
                > talvez tenham mais pessoas com o gosto parecido com o seu.
                >
                > []s.
              • felipeinloco
                bom, naum vou ficar batendo na mesmo tecla... vai do gosto de cada um... respeito a sua opinião, até pq vc já é muito mais experiente do q eu, e ainda mais
                Mensagem 7 de 8 , 7 de dez 19h21min
                  bom, naum vou ficar batendo na mesmo tecla...
                  vai do gosto de cada um...

                  respeito a sua opinião, até pq vc já é muito mais experiente do q eu,
                  e ainda mais vc é DJ!!
                  com certeza sabe bem mais de e-music do q eu... mais se eu gosto de
                  escutar fazer oq né...

                  gosto de todos os estilos, ou quase todos, mais o trance é o q mais
                  gosto... depois vem o Drum 'n Bass q é muito doido tb...

                  naum vou escrever nada a respeito do trance, pq eu acho q já descrevi
                  ele demais, gostaria se naum fosse demais q a area de arquivos fosse
                  liberada para a lista, pq assim todos podem carregar músicas e
                  discutir sobre elas, eu gostaria muito de carregar algumas músicas,
                  pq as vzs esse trance q eu gosto seja de boa qualidade, e eu saberia
                  a opinião de vcs sobre o q eu realmente estou ouvindo...

                  tranks...

                  <<plur pra todos>>

                  Felipe

                  --- Em bh-vibe@y..., Filipe Forattini C <filipefc@u...> escreveu
                  >
                  > gente.. abaixo segue um email daqueles bem desabafo ok ?
                  > desculpem o tamanho dele e tambem o conteudo.
                  > nao quero , de for alguma , atingir ninguem aqui pessoalmente..
                  > mas.. tem hora que ateh o papa cansa.
                  >
                  > lah vai
                  >
                  > ______________________________________
                  >
                  > o trance , principalmente o q eh tocado hj em dia , eh uma
                  musica , em sua
                  > formacao , pobre. uma musica pouco elaborada , feita com poucos
                  recursos
                  > ( o que nem sempre eh um ponto negativo ).
                  >
                  > o foda eh que o trance nao evoluiu nem um metro.. muito pelo
                  contrario...
                  > tenho muita saudades de jam and spoon... e outras coisas que
                  poderiam ser
                  > chamadas de trance.
                  >
                  > o laurent garnier chama o selo kanzlerant ( heiko laux ) de
                  trance.. e pra
                  > mim eh um dos melhores selos de techno. mas... eh bonito.. eh
                  viajante.. e
                  > isso da o carater trance da coisa..
                  >
                  > psy , goa.. essas coisas tem de viajante uns sons indianos ( q ja
                  foram
                  > excessivamente usados ) e alguns sons chamados de psicodelicos..
                  >
                  > olha soh .. pra mim psicodelico eh um super house negao com dub e
                  sons
                  > vindos da california ( house costa oeste , casa del soul ,,
                  panhandle , ,
                  > ... ) eh aquele lance paz e amor ,, meio jazz meio rock meio
                  eletronico
                  > e bem funk !!! tem coisa mais psicodelica do que funk a la george
                  clinton (
                  > funkadelic ) . isso sim pra mim eh psicodelico.
                  >
                  > hj em dia quando eu escuto esse povo tocar psy , hard , goa ..
                  trance . tudo
                  > me lembra um galpao sujo frio em alguma cidade do interior da
                  alemanha..
                  >
                  > eu sinto que existe uma ENORME discrepancia entre o que a "
                  familia "
                  > trance quer passar ( a historia da paz , amor , liberdade ,
                  uniao ,
                  > comunhao , ) os seus atos e o vibe que a sua musica passa.
                  >
                  > o pessoal tem tocado umas coisas muito dark, que sinceramente me
                  dao mais
                  > medo do que o jeff mills em seus tempos de macabrice .
                  >
                  > quando o goa trance comecou , em goa , uma ilha na india .. ele
                  era feito
                  > usando pouca coisa e tinha uma significancia local incrivel .
                  imaginem..
                  > era musica eletronica, feita em uma ilha , na india , que misturava
                  o
                  > oriental com o europeu . tentador nao ?? porem tudo virou uma
                  grande
                  > formula e tudo ficou muito parecido.
                  >
                  >
                  >
                  > agora... meus dois centavos e desabafo pq esse papo de trance na
                  lista ta
                  > comecando a cansar !!!
                  >
                  > lah vai :
                  >
                  > pra mim trance eh muito rapido.
                  > nao tem groove
                  > raramente tem baixo.
                  > eh mal feito.
                  > mal tocado
                  > e quase nunca MIXADO.
                  >
                  > Eh uma musica que deveria te evoluido e
                  > influenciado outros estilos... e ,, se agente pensar bem. . o
                  inicio do
                  > trance fez isso , e muito ! mas. hj em dia... quem vai se inspirar
                  em
                  > barulhos aleatorios chamos de psicodelicos e naquela batida sem
                  forca ?>
                  > toc toc toc..
                  >
                  >
                  > e qual eh a do dig doin dig doin dig doin ?? oq seeeempre tem que
                  ter o
                  > digdoin ?????? alguem me explica >??
                  >
                  > dig doin dig doin dig doin ..
                  > isso era pra ser o baixo ????
                  >
                  > entao ta faltando , na minha opiniao , abertura dos produtores de
                  trance ,
                  > em aprender outras coisas relacionadas com producao musical..
                  >
                  > sabe.. ninguem mora mais em goa .. .e fica fazendo musica com drum
                  machine e
                  > algum outro equipamento enferrujado..
                  > hj com um um computador , paciencia , humildade, talendo e bom
                  gosto vc
                  > consegue fazer muita coisa boa !!!!!!!!!!!!
                  >
                  > entao... eu penso que o trance , do jeito que esta, soh vai atrair a
                  > molecada mesmo. pq ele nao te faz pensar, raramente te emociona (
                  diferente
                  > do melodico ,, q eu nao gosto ... mas eh feito soh pra
                  emocionar ) . eh uma
                  > musica pra vc pirar,, dancar .. e no meio da confusao de musica ,
                  pano fluor
                  > , drogas , religiao ( outro absurdo do trance.. querer misturar
                  isso tbm )
                  > vc entrar em transe..
                  >
                  > po ... ae fic a facil....
                  >
                  > vc entra no lance e ja te falam o que vc tem que fazer.. do inicio
                  ao fim .
                  >
                  >
                  > EH CLARO QUE EXISTE COISA BOA !!!!! E GENTE BOA NESSE MEIO !!!!
                  >
                  > EH CLARO QUE EXISTE DJ QUE MIXA TRANCE !!!!!!
                  >
                  >
                  >
                  >
                  >
                  > chega de musica doida, festa doida, roupa doida , pano doido ,
                  droga doida..
                  >
                  > musica eh pro espirito. faz bem pra cabeca e pro coracao..
                  >
                  >
                  > nao tem que misturar religiao no meio .. nao tem que falar q eh
                  familia..
                  > nao tem que fazer nada !!! eh escutar e sentir..
                  >
                  > se as pessoas fizessem mais isso.. tavez tivesse menos gente
                  escutando psy
                  > hard goa ...
                  >
                  >
                  > abracos
                  >
                  > f
                  >
                  > e fala serio .. o hit trance do ano foi a musica do mario bros !!!
                  o q mais
                  > uma vez comprova minha teoria de que os produtores de trance ruim
                  fazem
                  > musica usando play station.
                  >
                  >
                  >
                  >
                  >
                  >
                  >
                  >
                  >
                  >
                  >
                  >
                  > on 07.12.01 15:42, felipeinloco at nogueira@p... wrote:
                  >
                  > > oi lista,
                  > >
                  > > Bem naum estou escrevendo para discutir o zinebh, mais eu
                  gostaria de
                  > > saber da galera mais experiente na night se o trance é tão mau
                  visto
                  > > pelas pessoas realmente...
                  > >
                  > > pq do pessoal q pelo menos fala q é mais experiente, o trance é
                  uma
                  > > bosta, soh serve para moleque queimar neurônios...??!?!
                  > >
                  > > sei lá, se o trance naum é tão bom assim pq tanta gente gosta?? so
                  > > por falta de experiência?? por molecagem??
                  > >
                  > > sempre escutei q esse tipo de gente q foi citada no e-mail do
                  > > bittencourt soh começou a entrar na cena recentemente, tanto q há
                  um
                  > > monte de protestos contra esses caras, na cena trance mesmo...
                  > >
                  > > em alguns forums de discussão de e-muzic, eu vi varios comentários
                  > > contra esse tipo de atitude de caras velhos na cena, condenado
                  várias
                  > > coisas, tipo essas q o bittencourt falou...
                  > > aqui vai uma matéira pra vcs q querem se informar a respeito:
                  > >
                  > > http://www.mood.com.br/1110/rave.htm
                  > >
                  > > e outra matéria sobre depressão pós clubbing::>>
                  > >
                  > > http://www.mood.com.br/0712/posclubing.htm
                  > >
                  > > aí fica a minha pergunta... e repondam por favor, se for realmente
                  > > isso vou procurar saber mais ainda sobre outros estilos e tal...
                  > >
                  > > valeu,
                  > >
                  > > <<plur pra todos>>
                  > >
                  > > Felipe
                  > >
                  > >
                  > > --- Em bh-vibe@y..., "Bittencourt ." <heygetoutofmyway@h...>
                  escreveu
                  > >> gente, li a tal revista ontem. ela tem muitas deficiências sim,
                  > >> mas acho que eles podem melhorar e contribuir com a e-music, pois
                  > > uma
                  > >> revista é um ótimo meio de informação. E realmente senti uma
                  > >> necessidade de dizer o que eu pensava para a tal da bárbara
                  > >> tâmola.
                  > >>
                  > >> mandei ontem, e ela já respondeu.
                  > >>
                  > >> me apresentei, tal..
                  > >>
                  > >> meus comentários foram:
                  > >>
                  > >> "quanto à sua coluna:
                  > >>
                  > >> - vc parece ter uma personalidade forte, falar tudo que pensa, e
                  > >> questionar bastante. isso é bom. a não ser quando escreve com
                  > >> um "quê" de quem é a dona da verdade, como foi no caso da
                  > >> crítica sobre a remédio, da rave eternity e do ciano.
                  > >>
                  > >> bem, eu adorei a remédio. se vc nao gostou do asad, tudo bem -
                  mas
                  > >> daí a questionar a ´qualidade´ dele... não concordo. com
                  > >> todo respeito, acho que vc só falou besteira, e o cinismo só
                  piorou
                  > >> o texto.
                  > >>
                  > >> qto às festas de trance na cidade, bem, é difícil encontrar
                  > >> alguém que odeie mais o psy trance do que eu. acho tudo uó -
                  desde a
                  > >> música até o visual das pessoas, da decoração.
                  > >>
                  > >> minha breve opinião acerca do sucesso desse estilo é o fato de
                  > >> que nessas raves a molecada (totalmente leiga em e-music) nao vai
                  > > pra
                  > >> ouvir o som, e sim pra tomar ácido, fumar maconha e beijar na
                  boca
                  > >> (nada contra esse último..). depois de ingerir tanta merda,
                  > >> qualquer barulho torna-se sua música predileta pra dançar... aí
                  fica
                  > >> fácil.
                  > >>
                  > >> mas se o ciano dá tantas festas na cidade, deve ser porque elas
                  > >> enchem, e aí ele ganha dinheiro. e ganha também público pras
                  > >> raves, expande seus seguidores.. e tal. nao acho q ele esteja
                  > > errado - bobo
                  > >> ele nunca foi.
                  > >>
                  > >> e qto ao flausino - se eu fosse famoso como ele e gostasse de
                  musica
                  > >> eletronica, lógico q nao perderia a oportunidade de tocar numa
                  > >> festa.. antes ouvir ele discotecando do que ter que encarar o
                  jota
                  > >> quest com uma sonoridade eletrônica... já pensou??
                  > >> peloamordedeus..... ia conseguir ficar pior ainda..
                  > >>
                  > >> bem, já falei demais, desculpa.
                  > >>
                  > >> espero que possamos discutir nossos pontos de vista numa boa!!
                  > >>
                  > >> novamente parabenizo a revista e especialmente vc, porque sei que
                  > >> é
                  > >> impossível escrever críticas e logo depois não ser
                  > >> apedrejado pelos que não foram elogiados...
                  > >>
                  > >> um grande abraço
                  > >>
                  > >> bittencourt"
                  > >>
                  > >>
                  > >> e ela respondeu:
                  > >>
                  > >> "Em primeiro lugar, muito obrigada pela atenção e pelas
                  > >> críticas ( as boas e as ruins, é assim que a gente melhora! ).
                  Bom,
                  > > sobre o
                  > >> fato de eu ter um quê de dona da verdade, é porque às vezes eu
                  > >> prefiro dar uma pesada na mão pra ver se as pessoas tomam um
                  choque
                  > > e criam
                  > >> opinião própria. Como é uma coluna assinada, minhas
                  > >> opiniões estão ali, mas não significa, nem eu quero, que seja a
                  > > verdade...
                  > >> Se eu estivesse escrevendo a resenha do Asad, no After Hours,
                  seria
                  > >> diferente, aí você tem que ser mais neutro... A questão do
                  > >> Ciano, foi só uma alfinetada, no fundo eu respeito ele por ter
                  > > conseguido
                  > >> construir uma coisa grande, que hoje é a Psicotrance. Já o
                  > >> Flausino, não tem jeito: seria como convidar o Noise pra tocar
                  > > guitarra
                  > >> abrindo o show do Eric Clepton...
                  > >> Um grande abraço,
                  > >> Bárbara "
                  > >>
                  > >> é isso.
                  > >>
                  > >> []
                  > >> bittencourt
                  > >>
                  > >> aquecendo pra hoje...
                  > >>
                  > >>
                  > >> _________________________________________________________________
                  > >> Get your FREE download of MSN Explorer at
                  > > http://explorer.msn.com/intl.asp
                  > >
                  > >
                  > > Se você não quer mais assinar a lista, mande um e-mail em branco
                  para:
                  > > bh-vibe-unsubscribe@y...
                  > >
                  > >
                  > >
                  > > Seu uso do Yahoo! Grupos é sujeito às regras descritas em:
                  > > http://br.yahoo.com/info/utos.html
                  > >
                  > >
                • suckmegoa
                  minha breve opinião acerca do sucesso desse estilo é o fato de que nessas raves a molecada (totalmente leiga em e-music) nao vai pra ouvir o som, e sim pra
                  Mensagem 8 de 8 , 9 de dez 13h26min
                    "minha breve opinião acerca do sucesso desse estilo é o fato de
                    que nessas raves a molecada (totalmente leiga em e-music) nao vai
                    pra ouvir o som, e sim pra tomar ácido, fumar maconha e beijar na boca
                    (nada contra esse último..). depois de ingerir tanta merda,
                    qualquer barulho torna-se sua música predileta pra dançar... aí fica
                    fácil.
                    > ..."


                    > Ô Bittencourt, aí vc é que tá sendo preconceituoso, né? Cada um faz
                    o > que quiser, beija quem quiser, toma a droga que quiser...
                    >
                    > E sobre isso de reclamar que fulano ou ciclano que vai nas festas é
                    > leigo em emusic (já rolou este papo aqui antes), acho isso muito
                    fora > de propósito. Tem que curtir, dançar, e não ser especialista
                    em > música... Fica parecendo que tem uma elite que entende de emusic
                    e que está acima dos outros mortais...



                    Ops, não estou sendo proconceituoso não, fog!!
                    Claaaro que cada um faz o que quer nas festas, o que estou dizendo é
                    que, no caso de BH, a maioria das pessoas que vão nas festas de
                    trance vão não para curtir o som, e sim pra fazer aquilo q eu falei
                    antes. Lógico que existem exceções. E bom pra eles se o jeito deles
                    de curtirem as festas é assim. Ruim é para a e-music...

                    E eu tb não disse que todos temos que ser especialistas música, longe
                    disso. Acho ótimo que a playboyzada vá nas festas, e principalmente
                    conheça todos os estilos e descubra suas preferências.
                  Sua mensagem foi enviada com êxito e será entregue aos destinatários em breve.