Carregando ...
Desculpe, ocorreu um erro ao carregar o conteúdo.
 
  • Anterior
  • Sobre o grupo

  • Ingressar no grupo
adicionados nos últimos 7 dias

Descrição do grupo

Grupo sobre al-Andalus, território da Espanha e de Portugal (neste país ficava o Gharb-al-Andalus) que recebeu influência da cultura islâmica devido ao domínio muçulmano ocorrido entre 711 e 1492, ano da queda de Granada. A partir de então, as conversões forçadas e a expulsão dos judeus sefarditas da Península Ibérica provocaram a emigração destes para a Itália, Holanda, França, Inglaterra, Turquia, Grécia, Palestina, Marrocos, Tunísia, Argélia, Síria, Brasil e outros países da América.
No al-Andalus, judeus e os cristãos moçárabes haviam desfrutado de liberdade religiosa e ocupado cargos importantes, beneficiando-se da tolerância vigente desde que pagassem impostos. Sem dúvida, um grande exemplo para os nossos dias, uma vez que naquela região e período da História a hostilidade recíproca deu-se em escala muito menor do que em outras épocas.
Baseado no exemplo histórico do al-Andalus e na ausência de justificativas religiosas para conflitos envolvendo as três tradições abraâmicas - Judaísmo, Cristianismo e Islamismo - este grupo propõe a discussão sobre diversos temas de alguma forma relacionados ao legado sefardita, cristão e islâmico em qualquer parte do mundo.
Foto: Pequeno cofre hispano-árabe em marfim, doado aos condes portucalenses pelo califa de Córdoba (1104-1108 d.C.). Encontra-se na Sé de Braga, cidade denominada Bracara Augusta pelos romanos, situada no Minho, Norte de Portugal, importante centro da cristandade ibérica.

Informações sobre o grupo

  • 62
  • Países e Culturas
  • 18 de jan de 2003
  • Português

Configurações do grupo

  • Este é um grupo restrito.
  • Anexos são permitidos.
  • Os associados não podem ocultar o endereço de email.
  • Relacionado no diretório do Yahoo Grupos.
  • A associação precisa ser aprovada.
  • As mensagens não são moderadas.
  • Todos os associados podem enviar mensagens.

Histórico de mensagens